domingo, 25 de dezembro de 2011

Presente é amadurecer

By Amanda Truss - Flickr

Dá pra perceber que crescemos verdadeiramente quando deixamos de contar os presentes de Natal materiais para contar os que recebemos humanamente. As "lembrancinhas" foram poucas, mas ganhei abraços, beijos e convivência à mesa com a família. Recebi palavras carinhosas de todos os lados: olho no olho, em discurso, em recados virtuais e em um e-mail que foi sem dúvida a estrela da minha árvore de Natal. Houve uma pequena decepção com a humanidade porque é necessário perceber todos os dias quantos bons sentimentos ainda precisam ser plantados pelo caminho, mas sementes não irão faltar. Ganhei o melhor e mais duradouro presente que poderia receber: amor de quem amo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.