quinta-feira, 10 de maio de 2012

Estrangeiros no amor não se entendem

Imagem do livro Fernando Pessoa - Seleção

Duas pessoas vivendo juntas e falando línguas diferentes são estrangeiros que passam pela dificuldade extrema da comunicação...ou omissão. Em contrapartida, quando duas pessoas convivem e falam a mesma língua, pode o mundo à sua volta falar grego, aramaico, ou mandarim. Podem estar num lugar novo, com pessoas e lugares novos, mas estarão se sentindo em casa. Se protegem, se entendem, se comunicam, e o fariam, até mesmo se fossem mudos. Não há necessidade de redundâncias ou onomatopeias. O amor transcende o  vocabulário.

59 comentários:

  1. Oi Bia,
    O amor não precisa de comédias, nem encenação para ser entendido. A linguagem do amor pode se revelar através do silêncio ou de um simples olhar.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A linguagem trocada com um olhar, então, é inesquecível. Entendimento pleno. Um abraço!

      Excluir
  2. Verdade Bia, acho que o amor rompe até as barreiras da lingua, embora seja mais complicado! Bjoooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Kellen, é mais complicado, mas o amor dá um jeito. Uma prima minha, brasileira, conheceu e casou com um alemão, e no início os dois se comunicavam em inglês. Olha só a diversidade! E são felizes há alguns anos, que é o importante. Um abraço!

      Excluir
  3. LINDO!!O amor faz o entendimento acontecer...beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chica, percebo que você tem grande entendimento, deve ter muito amor em sua vida! :) Um abraço!

      Excluir
  4. Querida amiga
    Meu Abraço de Paz e bem!

    Mãe do céu da terra e do mar
    Por favor,
    Ensina-nos o teu segredo
    Do Teu Amor
    Para que não tenhamos medo
    De apreender Amar!
    Meu abraço carinhoso para você!

    Se você for mãe Feliz dia das Mães!

    Maria Alice

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maria, obrigada por passar e deixar suas palavras carinhosas. Devolvo o abraço caso também seja mãe, senão o receba carinhosamente como uma intenção de bom final de semana!

      Excluir
  5. No amor a língua é sensor de outros sentidos, por outro lado o idioma é detalhe rs
    beijão Bia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Yasmine, hummmm, bem sugestivo seu comentário, hahaha, confesso que me fez pensar em outras possibilidades linguísticas, hahaha. Um abraço!

      Excluir
  6. Boa tarde!
    Já está participando do TOP COMENTARISTA do mês de maio do blog O Leitor?
    Ainda não?
    Tá esperando o que? O prêmio deste mês de estréia é um super kit de marcadores, e que a cada semana só cresce.
    Para isso, basta você seguir as regras que se encontram no final de cada postagem de resenhas ou novidades.
    Conto com você e espero te espero lá.

    Desculpe pelo incômodo e obrigada pela atenção,

    Pamela - resenhista do blog O Leitor.
    http://oleitor2.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pamela, obrigada por seu convite, darei uma olhada em seu blog. Seja sempre bem vinda, um abraço!

      Excluir
  7. Respostas
    1. Palavras muita vezes são vãs, podem se perder no tempo. O amor verdadeiro pode se perder, mas se reencontra. Um abraço!

      Excluir
  8. Concordo, plenamente. Essa cumplicidade é que torna a convivência harmoniosa, abrindo espaço para o respeito mútuo.
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marilene, usou uma palavra que adoro: cumplicidade. Sem cumplicidade, não há respeito nem diálogo possível. Um abraço!

      Excluir
  9. Verdade Bia, a palavra acolhe, protege e enlaça.
    Beijokas doces

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marly, gosto muito do uso da palavra, quando há quem queira escutá-la, e quando se usa com sabedoria. Um abraço!

      Excluir
  10. Bia,

    Quando as pessoas se querem bem, podem ser mudas e surdas, são capazes de se respeitar porque há compreendendo mutua.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como é raro isso hoje em dia, não é Sissym? O querer bem, que não é prejudicado pelo vocabulário ou pela distância. Um abraço!

      Excluir
  11. Olá!Boa noite!
    Tudo bem?
    O amor enquanto uma relação cria um "nós" além do "eu e de tu”. O nós consubstancia a presença da própria relação de amor como algo inédito que se estabelece no cotidiano. Dá origem a valores que não tem sentido dizer que foram descobertos, pois foram claramente inventados na relação. Amar é criar novo mundo, ou ao menos é em parte isso...transcende o próprio vocabulário....
    Boa sexta!
    beijos com carinho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Felis, iiiiiiisso, foi exatamente o que senti quando li os escritos de Fernando Pessoa. O "nós" criado por um sentimento verdadeiro não exclui os outros, mas torna uma relação tão forte que nem lugares, nem pessoas, nem circunstâncias podem abalar o sentimento. E complemento dizendo que, quem vive bem nesse mudo criado a dois, viverá bem em qualquer meio, porque carregará consigo a felicidade e a plenitude. Tem coisa melhor do que conviver com gente feliz? Um abraço!

      Excluir
  12. O idioma do amor, é o sentimento e esse é universal.
    Adorei a "reflexão", Bia! Abraços e tudo de bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é um sentimento universal, para quem o deixa entrar. Um abraço!

      Excluir
  13. Verdade, acho que ''ações'' falam mais que mil palavras. O amor é linguagem universal. E em qualquer parte do mundo, quando há amor, não há quem entenda! Linda postagem , querida <3 Beijão! Att, Sabrina Gomes - (( Blog Spiderwebs < ))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. corrigindo * não há quem NÃO entenda < omg rs perdão!

      Excluir
  14. Bia, um beijo no seu coração. Seu texto por si só, já disse tudo. Não existe barreiras para o amor e jamais existirá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Pc, as barreiras, quem coloca somos nós e a sociedade. Um abraço!

      Excluir
  15. Bia, qdo um torna estrangeiro para o outro, permanece um estado, o da desarmonia. Bjos. Bom finde

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, Eder, e esse estado se assemelha à Torre de Babel, onde todos convivem, mas ninguém se entende, nem consegue ser feliz. Um abraço!

      Excluir
  16. O amor não precisa de palavras. Até com um simples olhar é possível saber o que a outra pessoa está pensando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gilberto, penso que quando se atinge esse estado de entendimento, na troca de olhares, se está vivendo o amor pleno. Para isso não basta olhar, é preciso enxergar. E nesse caso me refiro a todos os tipos de amores. Um abraço!

      Excluir
  17. Oi Bia!
    Eu sempre penso que a solidão somente existe quando não possuímos ninguém com quem conversar, não dessa maneira descrita no seu texto.
    Por isso, quando se fala a mesma língua, até na distância, não nos sentimos sozinhos...
    O amor transcende o vocabulário. E também a distância e outras barreiras...
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isa, você trouxe uma abordagem diferente sobre o texto, o da solidão. Então vou opinar sobre o seu pensamento: penso que a solidão não depende só de ter alguém para se conversar. Muitas vezes (como nesse momento) estive sozinha e me senti muito menos solitária do que quando estou com alguém que não entende ou não quer saber do que tenho a dizer. Mas concordo que mesmo na distância, não há solidão se houver entendimento. Gosto muito de conhecer diferentes interpretações sobre o que escrevo, obrigada por compartilhar sua impressão. Um abraço!

      Excluir
  18. O amor precisa de açoes ><

    seguindo aquui
    http://indiretasparavoce.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lih, seja bem vinda! Já conheci seu espaço e gostei muito. Clara, sucinta e perfeita em seu comentário: ações. Mais do que palavras. Gostei demais! Um abraço!

      Excluir
  19. Amor incondicional se entende de qualquer forma :DD
    Bjos!
    amonailart.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, acho lindo quando acontece o amor incondicional, em qualquer forma! Um abraço!

      Excluir
  20. Falar a mesma língua, eis aí a questão. Com essa neura que anda a vida,tão corrida, a labuta diária do trabalho. Enfim são tantas coisas que acabam por cada vez mais distanciar. E digo mais ...Cada um faz suas escolhas, tiram mais ensinamentos da vida, reflexionam mais do que o outro( e cá pra nós, nós mulheres bem mais, não é mesmo? somos um universo diferente)Mais quando há essa conexão mútua é tudo, é o ideal. Mais enquanto isso vamos aprendendo a conviver , até mesmo com quem ainda não sabe. bjinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eliane, gosto das pessoas que refletem, que pensam nos acontecimentos em sua volta, tirando algo proveitoso do que observam. Percebo essa tendência maior nas mulheres, mas não é uma regra. Concordo, com a correria e as obrigações do cotidiano por vezes deixamos de lado a comunicação não verbal, ou desistimos dela, quando não há receptividade. Nesse caso, o que resta é conviver, como bem disse. Um abraço!

      Excluir
  21. Tem horas que nem precisamos dizer nada ótima reflexão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Waldir, é isso. O uso da palavra se faz desnecessário, chama-se sintonia. Um abraço!

      Excluir
  22. Voce me entendeu 100%! Nem tenho o que acrescentar, estou satisfeita porque sintetizou o que passa dentro de mim.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sissym, como eu disse, talvez porque estamos passando pelo mesmo. Meu desejo, para nós, é que nos entreguemos mais à nossa intuição. Um abraço!

      Excluir
  23. Voltei aqui! Vim l´do PUTZ e gostei do que li:Murchei...( Tem gente que faz exatamente isso.Daí dá vontade de INFLAR, e não murchar. Inflar de raiva,srsr. Mas não consegui comentar lá! Legal o espaço. beijos,lindo e feliz fds!chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha, Tem razão, Chica, é que se inflamos de raiva corremos o risco de explodir, e daí, já era! As configurações para comentar já foram alteradas, mas como antes o blog estava fechado para o público, o Google demora um pouco para atualizar. Agradeço o comentário, um abraço!

      Excluir
  24. Nesse domingo dias das Mães
    quero desejar a todas um dia
    cheio de alegria,com filhos
    família,e amigos!
    Mães são nossa luz que ilumina
    nossa vida,e pra você deixo aqui
    um abraço carinhoso,feliz
    dias das maravilhosas MÃES!

    QUE esse BLOG continue a mostrar
    essa beleza que vemos todo dia!!
    Bjuss Rita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita, que linda homenagem, obrigada! Daqui a pouco estarei com mãe e filha juntas, é uma benção ter as duas ainda próximas. Um abraço, feliz Dia das Mães para você!

      Excluir
  25. Um domingo cheio de amor, paz e coisas boas.
    Feliz dia das mães
    Beijos
    Mary.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mary, obrigada por suas felicitações. Um abraço, ótimo domingo!

      Excluir
  26. Bia querida! Concordo e assino embaixo! Coloquei a minha postagem do Dia das Mães hoje! Bênçãos de paz, alegria, união e amor! Um abençoado e feliz domingo de Dia das Mães! Carinhoso abraço!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elaine, em seguida darei um pulo no seu espaço para conferir. Um grande abraço, tenha um ótimo domingo!

      Excluir
  27. Nem preciso dizer nada né flor, tudo que escreve acho profundo, inteligente e útil pq me leva a reflexões. Concordo com o que disse meu relacionamento já passou por estas duas etapas, hoje como o Waldir mesmo disse acima tem horas que nem precisamos mais dizer nada, já nos compreendemos com um olhar, mas lá se foram quase 19 anos de casamento e 4 de namoro é tempo o suficiente para amadurecer e respeitar a pessoa ao lado, ou então rsrs terminar pois neste caso nem ouvir a voz do outro é suportável

    ps: Desejo a ti e todas seguidoras do blog um feliz dia das mães agradeço muito o carinho que me demonstra é uma fofa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia! Finalizou muito bem o comentário. Com tanto tempo de convivência (admiro e é raro hoje em dia) não há saída, ou se entendem só pelo olhar ou atitude, ou é melhor cada um ir para um lado, porque não se pode viver feliz ao lado de alguém que passou tanto tempo conosco e não nos percebeu como pessoa. Obrigada pelas felicitações e mando meu abraço apertado para você!

      Excluir
  28. kkk esqueci nossa meu texto ja ultrapassou o seu mas enfim amei o outro blog mas não vi a gadget de seguidor nem como comentar???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia, o gadget de seguidores já foi acrescentado, está mais para o final, do lado direito. Como respondi à Chica, já alterei as configurações para liberar comentários, mas pelo que pesquisei o Google demora um pouco para atualizar. Um abraço!

      Excluir
  29. Olá!Bom dia
    Tudo bem?
    Vou sair um pouco do meu padrão de comentar..
    Apesar de ser "copy and paste", é do Meu para seu Coração
    " ...é dia de agradecer à Deus
    pelo privilégio de se ter uma mãe,
    tão corajosa, quanto cautelosa
    seus sábios conselhos, a sua mão estendida
    nos momentos certos, prova que és um farol a indicar e clarear
    a melhor direção que devemos seguir.
    Que a cada amanhecer, um sorriso brilhe
    que sua caminhada seja suave, sem tropeços,
    que olhes o futuro com esperanças renovadas
    com a certeza que chegará ao seu destino
    tendo cumprido as determinações de Deus.
    Observe com olhos brilhantes o mundo a sua volta
    pois os maiores segredos da felicidade
    estão escondidos nas pequenas coisas
    e nos gestos mais simples de carinho.
    ... é somente mais um dia que pertence
    à todas as mães durante a sua existência preciosa
    Ofereço o máximo dos meus melhores desejos
    os meus sinceros votos de paz , de serenidade
    e que a vida de cada mãe se enriqueça cada vez mais
    com saúde, compreensão e amor no coração."
    Feliz Dia das Mães
    Bom domingo e boa semana
    Beijos
    (IN)FELIZ
    ...volto para ler e comentar post novo...hoje,sai o blogueiro, entra o futeboleiro...Santos na final....

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.