domingo, 22 de julho de 2012

Harry Pother e seus objetos mágicos - I

Ah, hoje eu sentei para escrever com a alma leve. Há muito tempo eu tenho vontade de falar sobre o assunto, mas como sempre sigo meu coração, senti que o dia é hoje. Afinal, domingo tem cara de saga Harry Pother!


Conheci o personagem em uma empresa onde trabalhei e havia biblioteca. Virou febre entre os funcionários, resolvi ler também...e amei! É fato que os livros são bem mais detalhados que os filmes, e a escrita é tão leve e inteligente que mesmo sendo volumosos dá para ler rapidinho. J.K. Rowling, na minha opinião, é uma gênia da escrita. Quem não leu e só assistiu aos filmes, fica a dica: nos livros há muito mais elementos!
Então, resolvi fazer uma listinha dos objetos que eu gostaria de ter por perto:



Chave de portal: Para quem depende de ônibus em 90% dos seus dias, seria bem interessante ter uma que me levasse direto para a escola onde trabalho!

Coruja: uma doçura a Edwiges, coruja fiel do Harry. Fiquei triste quando ela morreu. Gosto de corujas.

Desiluminador: simplesmente porque tem o poder de restaurar a luz e mostrar o caminho correto.


Espelho de dois sentidos: Um par de espelhos usados para se comunicar com quem possui o outro par. Eu queria ter dois pares: um ficaria com a minha filha, o outro com alguém de quem tenho saudades sempre.

Imagens animadas: acho o máximo as fotografias com vida que aparecem no mundo de Harry Pother! Eternizaria as pessoas que se foram e que amamos tanto!

Mapa do Maroto: para saber onde existem passagens secretas, muito útil quando eu quiser sumir! hahaha


 

Pedra filosofal: aceito a morte porque entendo que faz parte do ciclo da vida. Daria de presente para alguém que porventura sinta que precise do apoio de alguém que já se foi.

Penseira: sem dúvida meu objeto de sonho, onde poderia despejar a más lembranças, as boas lembranças que trazem aquela saudade doída do que está longe e o turbilhão de pensamentos que em alguns dias me assolam e são quase incontroláveis. Maravilha!

Capa da invisibilidade: Para ficar invisível naqueles dias em que não há nada de bom para ser compartilhado com o outro.

Varinha: clássico! Dispensa comentários. Só não seria usada para um Avada Kedavra! Mas não gostaria de ter a Varinha das Varinhas. Foi sábia a atitude de Harry de parti-la e jogá-la fora. Acho que é um objeto que poderia tornar qualquer ser humano arrogante.


Vassoura: para ir aonde não houver chave de portal. Imagine, pilotar uma deve ser ótimo! tirando o medo, lógico!

Vira-tempo: esse eu ainda não sei se gostaria. Talvez as coisas devam acontecer no seu tempo. Podemos mudar o rumo da nossa vida a qualquer momento.

Xadrez de bruxo: é um jogo meio tosco, mas como eu gosto de xadrez...

Há muitos outros itens que gosto: o relógio da casa dos Hony, o carro voador, as travessuras Wesley, enfim, passaria um bom tempo escrevendo sobre o assunto. Quem sabe em outro post...Eu gostava mais do primeiro Dumbledore, que faleceu durante a gravação das séries. Algumas coisas me chamaram a atenção na saga: a ideia de que mesmo com bruxaria o mundo não é perfeito; que sempre há o bem e o mal; o crescimento do jovem Neville, que passou de um jovem tímido, medroso e desajeitado a herói da história; e claro, gostei porque teve um final feliz! (bobona como sou, adoro!)

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_itens_m%C3%A1gicos_da_s%C3%A9rie_de_livros_Harry_Potter

*As imagens não tem referência porque foram retiradas do Google. Direito sobre imagens, é só entrar em contato por e-mail que retiro do blog.

46 comentários:

  1. Oi Bia

    Todos esses seriam objetos muito úteis, gostei bastante do Desiluminador.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Van, muito prudente para quem já é o próprio candeeiro. Um abraço!

      Excluir
  2. Bia, o seu texto é interessante. Explico. Compre Coração de tinta para minha filha ler e ela não se empolgou. Estou lendo o livro agora e gostaria de ter uma casa como a personagem Elinor, repleto de livros. A personagem principal, Mo é um encardenador de livro, profissão que eu exerci na minha juventude. Mo tb dá vida as personagem trazendo-as para a vida real. Eu qdo escrevo chego a dialogar com as personagens dos meu contos como se elas existisse. O livro é fascinante. Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eder. Acho muito interessante quem sabe encadernar livros. Certa vez ganhei uma coleção de encartes de uma enciclopédia da Folha de São Paulo, do meu irmão, e resolvi encadernar por conta própria. Costurei os livrinhos, colei na lombada da capa, aparei as sobras com estilete...até que ficou bom, mas deu trabalho! Eu também dialogo com os personagens, mas ao contrário da maioria, não tento deduzir o que acontecerá no final. Gosto da surpresa. Não li ainda esse livro, boa dica!

      Excluir
  3. Uma delícia de post. Não li os livros, mas gosto muito da magia das histórias infantis.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jeanne, Harry Pother é uma coleção atemporal. A descrição do universo mágico é simplesmente fabulosa! Um abraço!

      Excluir
  4. Não li a obra nem vi os filmes, mas ainda é tempo (rss). Esses objetos que descreveu seriam bastante úteis. Gostei de conhecê-los. Ler é melhor que ver os filmes, realmente. A riqueza de detalhes, a forma como imaginamos personagens... Tudo fica a critério de quem entra no conto. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marilene, sem dúvida! O mais legal é que li os livros antes de ver os filmes, e quando vi, era exatamente como eu havia imaginado! Na minha opinião dois filmes deixaram a desejar em relação ao livro: o volume 5, "A ordem da Fênix", e o volume 6, "O enigma do Príncipe". Recomendo! Um abraço!

      Excluir
  5. Olá!Boa noite!
    Tudo bem, Bia?
    ...nossa...eu estava aqui na Terra sim... você não vai acreditar:não gosto do HARRY,portanto não li e nem assisti nada sobre...vou usar o MAPA DO MAROTO...e sumir... usando a VASSOURA...e quem sabe com o VIRA TEMPO,ler o livro, e voltar aqui através do ESPELHO de DOIS SENTIDOS para fazer um comentário mais pertinente...fui...
    Boa semana!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, Como sempre, adorei seu comentário, Felis. Não gosta do Harry mas usaria seus objetos mágicos? No mínimo, contraditório...Só um à parte: como pode não gostar de algo que não leu nem assistiu? Talvez se experimentasse, tivesse outra opinião. Um abraço!

      Excluir
  6. Querida Bia, respondi ao teu comentário no meu blog, mas desde já te convido a conhecer o novo projeto das autoras d'As Amantes do Verão, As Amantes! {http://as-2-amantes.blogspot.pt}
    Pretendemos que seja um espaço de partilha de ideias, causas, eventos, experiências... mas neste momento temos um pequeno desafio relacionado como o nosso logotipo: mostra-nos as tuas pernas! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Scarlet. Passarei por lá para conhecer seu novo projeto, mas esse das pernas é no mínimo instigante...Acho que vou participar! hahaha Um abraço!

      Excluir
  7. Eu simplesmente amo os livros, os filmes e tudo. Adoro a cor, o formato, a magia. Acredito que essa possibilidade que a obra nos passa da magia e dos sonhos é fantástica. Eu adorei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Albuq. Pois é, tudo é construído de forma a nos fazer acreditar que há um mundo como aquele entre nós. Um abraço!

      Excluir
  8. Muito bom, itens que seriam muito bem vindo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gabriela. Sem dúvida um kit que ajudaria muito no nosso dia a dia. Um abraço!

      Excluir
  9. Oi Bia,

    Puxa, gostei de todos, mas a capa da invisibilidade ( ia ver coisas do arco da velha) rsrsrs e a chave do portal, seria bom demais, iria a qualquer lugar do mundo num piscar de olhos, ia economizar tempo e dinheiro, rsrs

    Adorei o texto..

    Abçs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vanessa. Engraçado, eu não usaria a capa com a finalidade de espiar a vida alheia, embora acredite que a maioria das pessoas pense assim. Como "quem procura acha" e nem sempre se acha o que se gostaria, hahaha, prefiro usar para me esconder, mesmo. Não havia pensado nisso, é verdade, a chave de portal seria útil para viajar! Bingo! Um abraço!

      Excluir
  10. A capa da invisibilidade iria vender que nem água, rs ótimo post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Waldir, seria só gente invisível trombando pelo caminho, hahaha. Um abraço!

      Excluir
  11. Bia, nunca li e nem vi o filme Harry Pother. Mas isso não me impede de analisar, ainda que superficialmente, que a obra em si, teve por sua força, o poder de entrar nos corações e mentes de muita gente. O que é um mérito louvável, sem dúvida. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paulo, imagino que a maneira inteligente como os textos são conduzidos é que transformaram os livros e os filmes em um fenômeno. Um abraço!

      Excluir
  12. Bem Bia falar do Harry para mim é fácil adoro demais a saga é emocionante demais, e quanto aos objetos a penseira, capa da invisibilidade e vira´tempo são meus preferidos, agora a coruja é linda demais, adorei o post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia, você já havia me contado que era fã, sabia que gostaria de relembrar. Um abraço!

      Excluir
  13. Oi Bia..
    Para mim só a varinha chegava..ja imaginou qto feitiço legal daria pra fazer?
    Adorei os que tu curtiu..
    bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol. É verdade, só a varinha já faria um estrago, hahaha. Um abraço!

      Excluir
  14. Boa noite,
    Nessa página abaixo (endereço) tem o mosaico dos parceiros, se quiser ser nosso parceiros permanente
    por favor acesse e se cadastre, é fácil, lá tem as intruções de como fazer.
    http://www.riosul2012.com/p/mosaico-de-parceiros.html
    Ali ficará sua foto ou linke-me para que todos possam lhe conhecer, quando alguém clicar
    será direcionado ao seu blog.
    Será uma honra ter você conosco ...

    Abraços
    RioSul

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, obrigada pelo convite. Um abraço!

      Excluir
  15. Oi Bia,
    Confesso que não li os livros e nem assisti aos filmes.

    Desde pequenos, somos influenciados e temos o desejo de imitar nossos heróis e vilões, de duelar entre o bem e o mal, de querer resolver todos os problemas do mundo.

    Acredito que você não precisa destes objetos de magia. Você sempre terá capacidade de encontrar a soluções para seus duelos.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nestor. Por isso gostei da saga, traz a magia para o cotidiano. Nela as situações não se resolvem simplesmente com mágica, esses são só facilitadores. Achei linda sua última frase, mas confesso que minha capacidade de duelar há muito anda prejudicada. Talvez eu precise de uma nova e forte armadura.
      Um abraço!

      Excluir
  16. Olá boa tarde!!!!
    Essa postagem é maravilhosa, com essa seleção bem legal
    O bom amigo sempre está junto das belas amizades
    Deixo um abraço com carinho
    Bjuss
    Rita!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita, boa definição par amigo. Um abraço!

      Excluir
  17. Olá Bia,
    Também não vi os filmes e nem li os livros, mas sempre achei envolvente a magia focada em enredos da espécie.
    Concordo com você que os livros são mais ricos em detalhes do que os filmes.
    Dos objetos mágicos descritos eu escolheria dois: o desiluminador e a chave de portal (para poder ir direto a alguns lugares sem precisar ficar rodando com o carro, procurando por vagas e perdendo um tempão (rsrsrs)).

    Adorei sua postagem.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vera, não havia pensado sobre a questão das vagas. A chave de portal, além de ser mais rápida, traria uma economia danada! Um abraço!

      Excluir
  18. Nossa, adoro os livros do Harry Potter tb, mas não gostei dos filmes por não corresponderem aos livros. Todos os objetos acima eu gostaria de ter, além das lareiras para viajar ou ir ao trabalho kkkkkkkkkk
    Os glitters do esmalte não pregam em nada, eles aderem bem à unha :D
    E, ah, qt ao livro das crônicas saxônicas ele vai ter continuação affffffff vou ter q esperar mais uns dois anos pelo próximo livro, ngm merece :/
    Bjos!
    amonailart.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Valquíria. Um dos filmes que mais gostei foi O prisioneiro de Azkaban justamente por ser o mais fiel ao livro. Mas eu gosto de todos! E dá-lhe paciência para esperar o próximo livro, hahaha....Um abraço!

      Excluir
  19. Oi Bia, tenho três amigos que são loucos por essa saga. Eu só assisti ao primeiro filme e não cheguei a ler os livros. Mas gostei de me inteirar mais. Beijos! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sérgio o legal é realmente acompanhar a sequência, porque há coisas que acontecem nos primeiros filmes que só farão sentido no último. Por isso a considero uma autora tão genial. Um abraço!

      Excluir
  20. Ôi Bia querida! Não tive oportunidade de ler os livros mas assisti aos filmes! Adoraria ter uma capa da invisibilidade.... Já imaginou?.... Obrigada pelos votos e assinaturas!
    Quinta-feira, dia 26, tem post novo!
    Uma abençoada e feliz quarta-feira!
    Carinhoso abraço!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elaine, se um dia eu arranjar uma capa da invisibilidade eu divido contigo numa boa! :D Um abraço!

      Excluir
  21. Bia,
    Que delícia de post!!!
    Nesse momento eu gostaria muito de possuir a penseira e o desiluminador! Conhecer o caminho certo e trazer um pouquinho de paz para dentro dessa minha cabeça (que não pára um minuto)!
    Se fosse possível ter esses objetos...Seria mesmo muito bom!
    Um beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Isa. A intenção foi mesmo tirar os leitores desse mundo racional por demais. A penseira é o meu sonho de consumo, tanto que é o título do meu perfil aqui no blog. Especialmente nesses últimos dias em que tenho estado com uma insônia insistente provocada por pensamentos mais insistentes ainda! Pena que não dá para comprar numa loja qualquer...Um abraço!

      Excluir
  22. Bia, a capa da invisibilidade e a coruja são os meus maiores sonhos de consumo até hoje. ahahaha.
    Você está coberta de razão em relação aos filmes do Harry Potter e os livros. Eu acompanhei a saga toda, cresci com ela, mas sempre adquiri primeiro o livro, lia e só depois assistia o filme para comparar e... mesmo tendo sido um dos filmes mais fiéis a "livros que viram filmes", a literatura ainda supera a sétima arte, é bem mais detalhada. ~
    Enfim, sou suspeito para falar de Harry Potter, escreveria um longo post aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Christian, também sou fascinada pelo universo Harry Pother. Muitas pessoas que não tem o hábito da leitura desistem porque os livros são volumosos, mas são escritos de forma tão inteligente e leve que a leitura não se torna nada cansativa. Ao contrário, não consegui acompanhar muito bem a saga Senhor do Anéis, tentei ler o livro por duas vezes e desisti, achei muito arrastado o texto. Mas o livro é melhor que os filmes. Um abraço!

      Excluir
  23. Como eu gosto dessa saga!
    Realmente é muito fácil de ler os livros e muito mais emocionante também devido a tantas coisas que acontecem. Entre meus objetos de desejo estão aquela bolsinha da Hermione, onde ela carrega tudo. Tudo mesmo, hehehe. E as barracas para acampamento =D.

    Feliz dia do amigo!!!(bem atrasado)

    Bejus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Naty, como não lembrei da bolsa da Hermione e da barraca ultra-mega-confortável? Ah, com certeza serão citados se eu resolver fazer um outro post sobre o assunto. Bem lembrado, e feliz Dia do Amigo! Um abraço!

      Excluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.