terça-feira, 15 de outubro de 2013

Silêncio

Momentos de inspiração - 14ª Edição
imagem retirada  do deviantart

Estacionou a bicicleta 
na mansidão final do túnel
e finalmente repousou
em silêncio reconfortante
onde o único barulho ecoante
era o de sua alma
soluçando baixinho.


Iniciativa blog Mamyrene.

7 comentários:

  1. E quando a alma soluça, só num lugar assim pra se entregar! Linda inspiração! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida
    Uma leitura edificante da alma do semelhante... fez-me refletir sobre a dor alheia e controlar minha alegria dos últimos tempos...
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rosélia, transborde! Ainda que respeite a dor alheia, alegrias, não nasceram para serem controladas. É no transbordar que atingirão e levarão embora a dor do outro.
      Um abraço!

      Excluir
  3. Lindo! Bela participação!
    Abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
  4. Vane!
    Lindo poema, parabéns pela participação.

    Desejo que seu final semana seja carregadinha de alegrias, muita luz e paz no coração!
    cheirinhos
    Rudy
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!
    "Um verdadeiro amigo é alguém que pega a sua mão e toca o seu coração. (Gabriel García Márquez)"

    ResponderExcluir
  5. Em prosa e verso paira o silêncio mas ao fundo escuta-se o soluço que nos toca.
    Lindooo !!

    Uma ótima semna!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Maravilhosa interpretação!
    Linda semana
    Beijos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...