sábado, 23 de novembro de 2013

Um convite à alegria

Preciso, antes de tudo, agradecer a cada um que esteve aqui se envolvendo no delicado assunto tratado na semana passada. Acreditei que o artigo poderia ser mal recebido por se tratar de um tema doloroso. A repercussão e a participação ativa dos leitores em forma de comentários me faz acreditar que o assunto merece mesmo ser levado à tona e discutido com o intuito de fazer com que as pessoas se sintam mais à vontade em expôr seus limites sem medo de julgamento. Houve inclusive visitas de órgãos de saúde pública, o que me faz pensar que as considerações estavam de acordo com a realidade. O importante é que a atenção ao outro passe a ser redobrada.



Partilhamos histórias tristes... Minha proposta, então, é que nessa semana partilhemos alegrias, que tal? O convite é que deixe no comentário alguma alegria que recebeu nos últimos dias. Eu recebi algumas: noivado da filha, conquistas profissionais para quem amo, curso que adorei, presente quem não gosta kkk... 
Isso me faz lembrar da blogagem coletiva Pequenas Felicidades (conheça aqui), cuja proposta é pararmos para observar e valorizar as pequenas alegrias que acontecem no dia a dia. 

Quero agradecer meu primeiro presente de Natal vindo do Nestor, do blog "Família Alcará", Ele é um dos meus amigos virtuais para o qual enviei um livro através do projeto "12 meses, 12 livros" e generosamente recebi em troca um livro de sua autoria, "A fantástica viagem em busca da felicidade". O livro é ótimo no sentido de nos fazer perceber quem somos e o que há a nossa volta, escrito de maneira muito suave e de fácil leitura, já estou no meio!! Ótima dica para o Natal! Quem tiver interesse em adquiri-lo pode clicar aqui.

Há ainda presentes naturais, que podemos perceber todos os dias. Deixo aqui um desenho curtinho bem legal sobre solidariedade e uma seleção de flores para nos lembrarmos que a vida também é assim: colorida, porém delicada. Precisamos cuidá-la da maneira ideal, nem muito vento, nem muita chuva, nem muito sol... tudo na medida certa, para que não haja carência nem sobrecarga. Para que as pétalas não se desprendam, não murchem, nem sequem antes do tempo do renovo, ou da partida.
Atenção, respeito, carinho e amor com aqueles que nos cercam. Cuidemos mutuamente das fragilidades do ser humano... é isso que o torna linda e humanamente sensível.

Leitura complementar: clique aqui.




Galeria de fotos









Imagens do arquivo pessoal.

63 comentários:

  1. A alegria deve ser sempre convidada em nossas vidas! Esse livro que ganhaste do Alcará deve ser legar e as fotos, tidas lindas! beijos,bom ver momentos felizes! chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI, Chica, o livro é mesmo bem interessante por ser leve, como um convite à uma viagem. Tão melhor falar de alegrias, não?
      Um abraço!

      Excluir
  2. Bia, adorei a ideia. Alegrias não faltam por aqui, graças a Deus. Mas nos últimos dias recebi uma verdadeira bênção, da qual sou muito grata ao Pai.

    Ah, gostei da dica do livro!

    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paty!
      Tenho certeza que a bênção foi mais que merecida, e como faz bem recebê-las, dão uma injeção de ânimo na alma! A gratidão é uma virtude encantadora. Saber ganhar, saber agradecer. Um abraço!

      Excluir
  3. Olá Bia
    Amei a idéia e como já conferiste lá no meu blog, a chegada da Luna foi uma das alegrias que recebi por estes dias. Quando me perguntam por que tenho tantos bichos, respondo que é a minha alegria, minha paz. Bom também amo ganhar livros e ganhei um da filhinha.
    “O Mistério dos Sete Relógios de Agatha Christie.”
    É uma delicia acordar todos os dias vendo as pessoas que amamos bem, então não há alegria maior do que esta. Saber que você estava em um poço tão fundo e de repente ver a luz novamente se sentir grata e orgulhosa de si mesmo. Minha alegria vai alem, por mais de haver dias complicados, nada me faz desistir.
    Acho que a vida da gente é de altos e baixos, mas se formos contar nos dedos os momentos de alegria, vamos perceber que há muitos mais do que os ruins.
    É isso, eu acho... rsrsrs
    Parabéns pelo noivado da filha e conquista do amor. Sabe que sempre te imagino como uma filha e não como uma mãe, engraçado não é?
    Adorei as imagens tranquilas e ao mesmo tempo vibrantes.
    Agradeço o carinho da visita.
    Bom domingo. Beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Verinha!
      Duas coisas que amo, cachorro e livros. Preciso reler os da Agatha, já os li há muitos anos. Como lhe contei estou sentindo falta de um cachorrinho, uma companhia alegre quando chego em casa, mas por enquanto fico com os cambacicas que vem aqui tomar água. :)
      "É uma delicia acordar todos os dias vendo as pessoas que amamos bem, então não há alegria maior do que esta", siiiiiiim, com certeza!!! Também sou o tipo de pessoa que fica genuinamente feliz quando sei que os meus amados estão também. Assim como você já tive períodos de poço fundo e de, com coragem e fé, resgate de si próprio. Essa balança entre alegrias e tristezas precisa ser sempre conferida para lembrarmos o quanto temos de bom.
      Então me vê como filha? hahaha, Comentário curioso... no fundo tenho um longo chão de experiência de vida, de aparência pareço mais nova do que sou, de mente devo ter uns 60, já, hahaha... mas busco conservar a leveza.
      Interessante também a definição sobre as imagens... deve refletir como me sinto no momento.
      Um abraço!

      Excluir
    2. Oi Bia
      Penso que a gente fantasia uma imagem da pessoa antes de conhecer seu rosto ou historia, te sinto como uma menina através de suas palavras com simplicidade que hoje muitos adultos deixaram de lado. Minha filha a qual chamamos de Bia e nem sei o porquê, pois seu nome é Ana Gabriela. Ela tem 17 anos, mas quando conversamos parece que ela tem muito mais. Seus escritos, poesias são extremamente emocionantes, assim como seus textos Bia, acho que te associei a ela e imaginei você uma menina. Desculpe.
      Quanto às imagens como minha avó dizia, “retire somente da natureza a energia vibrante e deixe a flor onde esta” era quando eu arrancava suas flores, ela não gostava nem um pouco. Quando olhei as imagens senti a tranqüilidade mais a vibração que a beleza nos proporciona.
      Quem sabe um dia um cachorrinho te ache e não você a ele. Acontece comigo o tempo todo.
      Um grande abraço.

      Excluir
  4. OI BIA!
    CHEGANDO O FINAL DE ANO, NOS DESPERTA UMA SENSIBILIDADE QUE AO LONGO DO ANO VAMOS DEIXANDO DE CULTIVAR, MAS MESMO ASSIM VALE A PENAM EU CREIO QUE É O MILAGRE DOS ENSINAMENTOS DE JESUS QUE AFLORAM NESTA ÉPOCA DO ANO.
    PARA MIM É ESPECIAL, PRINCIPALMENTE O MÊS DE DEZEMBRO, POIS É MEU ANIVERSÁRIO, O DE MINHA FILHA O DE MEU CASAMENTO E AINDA TEM O NATAL QUE PARA MIM É UM EVENTO ESSENCIALMENTE FAMILIAR, DAI SUA IMPORTÂNCIA.
    PARA TUA PROPOSTA DE QUE DEIXEMOS AQUI UM FATO ALEGRE, NÃO CONSIGO PENSAR EM NADA MELHOR NESTE MOMENTO DO QUE RECEBER A VISITA DE MEU NETO E HOJE ELE ESTEVE AQUI EM MINHA CASA.
    NOS FALAREMOS AINDA ANTES DO NATAL E NA CERTA TEREI OUTRAS COISAS PARA MENCIONAR AQUI.
    UM DOMINGO MARAVILHOSO PARA TI.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Zilani!
      Eu também gosto dos rituais, das passagens, ainda que se tratem somente de datas resgatam mesmo os laços e a sensibilidade.
      Quantos eventos felizes relembrados em dezembro, hein? Comemore cada um deles... a comemoração de cada data é um evento único.
      Deve ser uma delícia receber o neto em casa, ainda ontem comentava com a filha que acho que serei uma avó "daquelas", hahaha... por enquanto vou curtindo os sobrinhos.
      Que venham ainda muitas alegrias para serem partilhadas!!!
      Um abraço!

      Excluir
  5. Oi Bia,
    A minha maior felicidade é estar viva, poder dar alguns passeios, observar a natureza e conservar minha família feliz, pois a felicidade nós a conquistamos vagarosamente com uma condição: nunca podemos ter maldade no coração, só assim atraímos para nós e a todos que nos rodeiam os belos momentos felizes.
    A vida está aí para ser vivida com amor e sabedoria.
    Beijos
    Lua Singular.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dorli!
      É nessa simplicidade da observação cotidiano que nos sentimos felizes, com momentos e conquistas especiais salpicadas pelo caminho. Essas bênçãos só conseguimos enxergar quando estamos alimentados pela alegria diária.
      Sempre me passa essa imagem de que hoje curte a vida em cada pormenor.
      Um abraço!

      Excluir
  6. Bom dia Bia... estamos num plano terreno conturbado demais, por emoções destrutivas, que querem sempre imperar sobre as construtivas. assim como nós o mal busca se sublimar em si próprio... temos muitos motivos para compartilhar alegria, e buscar a mesma em qualquer cantão deste mundo.. existem bolhas de energia, se não nos conectarmos com as positivas, de nada adianta ficarmos bravos com governo, com religião ou o que for.. tudo depende de nós, tudo esta em nós.. abração e um excelente dia até sempre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Samuel! Olha só que palavra linda, "construtiva", construir... é preciso destruir o que não mais nos cabe para a chegada do novo, mas aqui fala da destruição nociva, que não leva à reconstrução, da mesquinhez que impera em grande parte do ser humano...
      Eu adorei esse negócio de "bolhas de energia", Samuel, quero fazer parte de toooodas elas, quero agregar todos às minhas, multiplicá-las... adorei, boa energia é tudo para atrair o que é bom.
      Um abraço!

      Excluir
  7. Olá Bia, penso ter deixado ontem aqui o meu comentário! Será que falhou? O meu PC não tem estado bom. Um beijinho e os meus votos de um bom domingo. Ailime (Mais logo retornarei;))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ailime, o blogger tem dessas coisas... o importante é que veio deixar um pouco de sua alegria aqui. Um abraço!

      Excluir
  8. Olá adorei conhecer seu blog,é lindo!
    Parabéns beijinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nelma! Seja sempre bem-vinda, que bom ter gostado! Um abraço!

      Excluir
  9. Começar cada dia de mãos dadas com a alegria é dádiva, Bia,e teu convite ressalta os motivos que temos para sorrir:)
    Junto com as alegrias de todos os dias, veio mais uma: a chegada de mais um netinho para 2014.Já estou a mil para os preparativos,(rsrs)da chegada do bebê e do Natal, que este ano será completo com a filharada/genros/noras e netinhos.Não é alegria de montão?
    Tôquetô!!!

    Uma ótima semana e parabéns pelo noivado da filhota.
    Bjkas,
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Calu!!!
      Sempre leio que o acordar pode fazer muita diferença no nosso dia a dia, um dia começado com bons pensamentos nos primeiros quinze minutos repercute no resto do dia todo. Sabe que funciona?
      A chegada de uma criança na família é sempre uma bênção, parabéns, vovó! Que venha com muito saúde já trazendo prenúncio de alegrias para 2014. :D Passar o Natal com os nossos é uma bênção a ser renovada anualmente.
      Um abraço!

      Excluir
  10. Bia,eu costumo evitar falar de tristeza em meus blogs mas nem sempre isso é possivel. Tem casos que não podemos nos omitir e gostei de saber sua opinião no post anterior. Quanto as alegrias tive muitas essa semana: emagreci algumas graminhas a mais, meus pais retornaram de uma bela viagem cheia de novidades, meu marido e eu resolvemos fazer uma viagem bem legal nas férias e vai por aí...rss...bjs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anne!
      É, também tenho há algum tempo falar de tristezas, mas não dá para agir como se elas não existissem. Mas de agora, até o final do ano, é hora de falar em alegrias!!!
      Quantas coisas boas, Anne!!! Planejar viagem com o marido, puxa, tudo de bom! :)
      Um abraço, que muitas alegrias pintem por aí...

      Excluir
    2. Oi, Bia!
      A Anne é uma das blogueiras que promove a positividade com as blogagens das segundas-feiras: "Semana Colorida" e essa sua postagem, se enquadra muito bem na proposta.
      Não sou uma pessoa difícil de ver felicidade e posso irritar as pessoas com a minha visão excessivamente positiva. Mas fazer o quê? As mães são sempre culpadas e a minha me deu amor demais :D
      Parabéns pelo noivado da filha, os mimos e conquistas em família!!
      Obrigada pela menção ao "Luz".
      Beijus,

      Excluir
    3. Oi, Luma! Sempre vejo postagens da blogagem da Anne por aí, são ótimas para trazer cor e otimismo ao início da semana!
      Talvez tenham me inspirado um pouco a criar a galeria de fotos...
      Tem razão, excesso de positivismo algumas vezes pode soar como realidade mascarada... eu acredito ser a escolha de enxergar as coisas de maneira mais leve. Pelo que a conheço, imagino que devo ser um pouco parecida com você... não se trata de não ver ou não compreender o que é ruim, mas de procurar enxergar o que é bom.
      Minha mãe me deu amor, mas muitas inseguranças também... mesmo assim essa é uma escolha que podemos ir lapidando com o tempo.
      Obrigada pelo carinho e a indicação da leitura é uma honra pra mim.
      Um abraço!

      Excluir
  11. Que bom poder voltar as visitas de vcs, hj
    meu dia foi melhor,
    Vim deixar um abraço de agradecimento por todo
    carinho que vc tem comigo, muito obrigado pelas
    palavras que são deixadas na minha pagina
    Que Deus abençoe ricamente sua vida, e amigos eu guardo no coração
    Abraços de sempre.....Bjussssss

    └──●► *Rita!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita!
      Esses momentos se tornam um pouco mais suaves quando contamos com a ajuda dos amigos, espero que sua irmã se restabeleça completamente.
      Um abraço!

      Excluir
  12. Felicidade tive ontem ao saber que a esposa do meu primo está gravida, Davi está vindo. Felicidade tb tive ontem ao voltar da biblioteca com meus dois Kafka, encharcado, pois tava garoando, e mesmo assim feliz. Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Eder!
      Ah, mais um bebê a caminho, adoro crianças e acho que elas só tornam o dia a dia mais gostoso! Saúde para o Davi, um abraço aos seus primos...
      Eu tomei um banhão de chuva na quinta, caiu um pé d'água bem na hora que eu voltava pra casa de carona, final da tarde... e foi maravilhoso! Só quem está de bem com a vida toma um banho de chuva e adora, não é mesmo?
      Um abraço!

      Excluir
  13. Amada Amiga Bia,

    " I SEE FRIENDS SHAKING HANDS, SAYING, "HOW DO YOU DO?"
    THEY'RE REALLY SAYING, "I LOVE YOU" "....


    Todos nós devemos contribuir com pensamentos, mensagens e imagens positivas, fazer o oposto que os noticiários apresentam diariamente, especialmente nas primeiras horas da manhã... affff....

    Uma música que sempre me encantou: http://youtu.be/2e5LEDb2NAI (Todo Azul do Mar)

    Uma música e um vídeo moderno que me fazem chorar de emoção, felicidade, porque é fato> "what a wonderful world" http://youtu.be/ddLd0QRf7Vg

    Nossa amiga Vanessa, Escritora de Artes, está muito sensibilizada com a doença de sua amada amiga Cibele. Vamos dizer a ela que a amamos e que estamos torcendo pelo melhor? http://www.escritoradeartes.com/



    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sissym!!!
      Adorei o trecho que colocou em inglês, sim, quando os amigos verdadeiros perguntam "como você está", com real interesse, é o sentimento do amor que está falando.
      Todo azul do mar...Eu adoro essa música, ouço desde muito novinha, traz uma paz... e boas lembranças também.
      What a wonderful world é o tipo de clássico que nunca sairá de moda, sobretudo para os sensíveis de coração.
      Já deixei meu abraço para a Vanessa, é importante que mesmo sendo virtual a amizade ofereça apoio em momentos difíceis. Faz uma grande diferença.
      Adorei o comentário musical, fadinha.
      Um abraço!

      Excluir
  14. Oi Bia, hoje passei para deixar o meu carinho.
    Amiga, uma pessoa querida,deixou no comentário esse lindo verso eu achei um carinho sem igual. Um mimo que estava precisando. Estou repassando este gesto lindo pra você que é muito especial.
    Deixo pra você um sorriso
    Com cheirinho de amizade
    Um beijo em sua face
    Com desejos de felicidade
    Deixo ,também minha mão
    Acaso você precisar
    Um afago em seu coração
    E um ombro para ninar
    Deixo pra você meu carinho
    Mas não esqueça de vir
    Aquecer o meu cantinho com sua visita pois és muito importante e Sou alguém, que de ti precisa
    para seguir a sorrir e continuar com este trabalho na blogsfera.
    Fica na paz de Deus, que Ele ilumine seus passos hoje e sempre.
    Abraços da amiga Lourdes
    Meus blogs: http://professoralourdesduarte.blogspot.com.br/
    http://filosofandonavidaproflourdes.blogspot.com.br/


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lourdes, um poema aconchegante... obrigada pelo carinho, um abraço!

      Excluir
  15. Olá!Boa noite, Bia!
    ..."tudo na medida certa, para que não haja carência nem sobrecarga.. Cuidemos mutuamente das fragilidades do ser humano.."
    .podemos dizer que nossas frustrações, mágoas e irritabilidade, são proporcionais àquilo que esperamos dos outros; quanto mais esperamos, mais sofremos...e serão tão maiores quanto menos nos conhecermos e menos conhecermos nosso próximo. Por analogia, conhecer nosso próximo só é possível na medida em que conhecemos nós mesmos...
    Sim, perfeita a comparação entre a forma que cuidamos das flores e da vida...
    Gostei de sua seleção de imagens, e do vídeo, bem humorado.
    acho que é só, ah, sim, parabéns pelo mimo/livro recebido...não o conheço,passarei lá!
    Agradeço pelo carinho, muito obrigado,belos dias, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Felis!
      Essa questão de querer adivinhar as atitudes do outro e criar expectativa sobre isso é um tanto complicada, raramente funciona. Há mesmo essa analogia entre nos conhecermos para depois conhecermos o outro, mas precisamos tomar cuidado para que o outro não se torne uma projeção do que somos. Para isso é preciso muito discernimento, para não projetar, positiva ou negativamente, algo que pode não condizer com a realidade alheia. Por isso aprendi a conter um pouco o poder de dedução. A vida é mais saborosa quando a gente permite que traga algumas surpresas e não fica o tempo todo querendo adivinhar o que vai acontecer. :)
      Obrigada pelo carinho constante, um abraço!

      Excluir
  16. Oi Bia querida

    Também adorei a ideia e as imagens são lindas...
    Nos últimos anos tenho tido muitos momentos maravilhosos e tido muitas alegrias, mas acho que a maior delas foi há 9 anos o nascimento da minha filha e depois disso minha vida ficou mais cor de rosa... E todo dia é uma nova experiência boa. Ela é toda engraçadinha e me faz rir o tempo todo.

    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ani!
      Filhos são mesmo uma experiência mágica em nossas vidas, capaz de mudar para sempre nossos pontos de vista, nossa maneira de amar e de enxergar a vida. A minha tem 18 anos e aprendo muito com ela, acho lindo isso, ensinamos os filhos, mas ganhamos muito também quando permitimos que eles nos ensinem.
      Um abraço!

      Excluir
  17. Vou começar pelas imagens: lindas!
    Parabéns pelo noivado da filha. Que tenha feito uma opção de amor e que viva uma união como sonhamos, de respeito e carinho.
    Creio que todos os dias recebemos presentes, embora nem sempre o percebamos. Acordar já um deles. Os momentos mais preciosos que passei na semana foi em companhia de meus sobrinhos netos. Um cansaço que só traz alegrias (rss). Sorrisos que nos tornam muito mais leves.
    Infelizmente, nem só alegrias fazem parte da vida e é preciso falar sobre lado escuro. Muitas vezes a discussão sobre temas desagradáveis produz resultados positivos que o silêncio não permitiria. Tenha uma linda semana. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marilene!
      Parece-me ser mesmo uma opção do amor e isso traz muita alegria ao meu coração de mãe. Desejo que os dois consigam fazerem-se mutuamente felizes.
      Ah, acho que já comentei em seu blog, ou aqui em algum comentário seu, que também sou apaixonada por meus sobrinhos e estar com eles sempre é motivo de alegria e descobertas.
      Adorei sua colocação final sobre a importância de discutir tristezas também... o ganho pode ser justamente mais alegrias. Gostei desse ponto de vista.
      Obrigada por estar aqui, um abraço!

      Excluir
  18. Que bacana esse post, Bia. E adorei as fotos das flores. Lindas. Ultimamente não tenho tido muitas alegrias, não, mas hoje é meu aniversário então vou receber carinhos que me deixarão feliz. Bjsssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sérgio!
      Eeeeeeeh, não acredito que hoje é seu aniversário, menino, olha, fiz a pergunta na hora certa! Já já vou visitá-lo para o parabéns! UM abraço!

      Excluir
  19. Bia que fotos lindíssimas, essa semana foi triste demais cheia de emoções extremas com medo, sofrimento...mas tbm uma fé inabalável de que Deus opera milagres, então a grande alegria foi a noticia de que minha tia que duas vezes desenganada esta semana teve uma pequena melhora o que fez a chama da esperança brilhar fortemente.
    Gostei da dica do livro vou ver se adquiro. Uma ótima ideia a do post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia, obrigada pelo elogio às fotos... acompanhei o sofrimento seu e de sua família em relação à dua tia, sei que perderam outra pessoa querida há um tempo atrás e essa perspectiva é sempre muito dolorosa.
      Do mesmo jeito que acompanhei as notícias de melhora... que a fé seja um bônus importante na recuperação total de sua tia.
      Um abraço!

      Excluir
  20. Oi, Bia... ri muito desse vídeo que vc colocou! Que graça!

    Se for pra eu dizer uma coisa boa, não sei, mas são tantas coisas boas todos os dias!
    Digo que depois de 20 anos fora do mercado de trabalho, trabalhando em casa e cuidando dos filhos, finalmente consegui emprego! Voltando à rotina diária de antes! Isso é o máximo!
    O resto, tudo é bom, tudo é bem-vindo e tudo nos engrandece! Basta manter o foco em coisas boas, sempre!
    Uma linda semana pra vc, beijos e muitas gargalhadas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Clara!
      Esse vídeo é mesmo excelente, hahaha, e bem curtinho...
      Deu para perceber a alegria e a energia que veio junto com o retorno ao emprego, que bom!!! Iniciar um novo projeto com tanta empolgação já é meio caminho andado para dar certo.
      Bom trabalho, ótimas conquistas!
      Um abraço!

      Excluir
  21. Oi Bia, que bom pensar positivo, focar nas coisas boas, embora a vida nos mostre o outro lado, temos que ser fortes e continuar sorrindo.
    uma semana com muita alegria pra você, seja feliz!!
    Abraços Lourdes Duarte.
    http://filosofandonavidaproflourdes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lourdes! os dois lados fazem parte inevitavelmente da caminhada... procurar valorizar mais os positivos é o que traz mais alegria à vida.
      Um abraço!

      Excluir
  22. Respostas
    1. É verdade, Lisette, não dá para mostrar sinceramente algo que não estamos sentindo. Um abraço!

      Excluir
  23. Olá, como vai Bia?
    Pelo texto escrito, feliz da vida né? Votos para que essa avalanche de coisas boas continue acontecendo em sua vida e na vida de quem está ao seu lado. Creio fielmente que a gente colhe o que planta. Esses são os seus frutos merecidos, se delicie com eles. Acumule "gorduras" positivas, pois a vida nem sempre será como essas belas imagens que você partilhou. Oscilações, doenças, desafios fazem parte da vida humana e de nosso crescimento.

    Obrigado e que honra poder ver a capa de meu livro, estampada em seu blog. Quando decidi publicá-lo, o objetivo era justamente isso que você citou: um livro leve, objetivo, bom de ler, no máximo 100 páginas e de bom conteúdo. Espero que esteja gostando e principalmente que venha agregar algo a mais em sua vida.

    Um brinde a nossa amizade. Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nestor!
      No contexto do que já passei e de como estou agora, tenho sim muito motivos para estar feliz. E ainda com muitos sonhos e planos a buscar. Eu adoro quando minha alegria se esparrama pelos meus, adoro! Um alegria trancafiada só para si fica empobrecida de sentido.
      Sempre que me vejo escorregando na ingratidão lembro que só por estar com as coisas em ordem já é um grande motivo para alegria.E quando mais acumulamos a gordura do bem, mais instrumentos teremos para lidar com a dor de forma serena e confiante.
      Já virei fã do seu escrito e estou "tramando"quem receberá o outro exemplar. Assim que tiver um tempo vou acrescentar seu livro à minha estante virtual.
      Um abraço!

      Excluir
  24. Oi Bia,
    boa tarde,
    a flor é como o coração, precisa de tudo,
    mas em quantidades moderadas! =)

    alegria, alegria,
    deixe-me pensar,
    minha ex-namorada me contactado novamente
    acho que isso me deu alegria =D
    agora, isto aplica-se como um exemplo?

    (morri de rir com o vídeo, maravilhoso!)

    Deixo-lhe um grande abraço com os meus "braços" =)
    vc entende, certo?

    Desejo-lhe uma bela semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ariel!
      Tem pessoas que defendem que o coração é auto-suficiente, o que chamam de incondicional.Não concordo, o coração precisa de cuidado e carinho para bater na frequência certa, sem frieza ou angústias. Um coração bem cuidado é um coração melhor... não é verdade?
      Mas olhe, que boa notícia estar sendo contactado pelo amor... percebe-se claramente o quanto isso lhe deixou contente..
      hahaha, Pois é, escrevi "braços" sem querer, quando vi a mensagem já tinha ido, kkk.
      Um abraço!

      Excluir
    2. Olá Bia,
      concordo com vc
      o coração deve ser cuidado!
      "Um coração bem cuidado é um coração feliz" =D

      Obrigado pela boa onda nos comentários
      um abraço

      Excluir
  25. MUITO LEGAL SEU POST BIA !!! AMEI !!! UM BEIJO Pedro Pugliese

    ResponderExcluir
  26. Olá Bia,

    Tristezas e alegrias fazem parte da vida. Sempre há frutos quando se foca temas tristes ou alegres. De sua última postagem, por exemplo, poderá vir frutos que você jamais saberá. Quem sabe alguém que se encontrava em seu limite rodopiou pelos blogs e caiu em seu espaço, não por acaso, e teve a oportunidade de refletir e concluir que a vida sempre vale a pena , que nada fica escuro indefinidamente e que para tudo há uma solução, basta persistir um pouco mais e procurar se abrir com quem lhe devota amor e só deseja o seu bem.
    Falar de alegria é sempre prazeroso, pois revitaliza nossa alma e o nosso otimismo.

    Então você já tem uma filha noiva! Surpresa para mim, pois pensei que sua filha fosse ainda adolescente. Parabéns e muitas felicidades ao jovem casal.

    Minha última alegria foi no sábado, quando minha sobrinha me telefonou dizendo que viria para o meu apartamento com as crianças, minhas duas paixões. A Marilene também veio. Foi aquela bagunça. Só alegria e curtição.

    Uma fofura o vídeo. Solidariedade é o que anda em falta em nosso mundão.

    Não sabia que o Nestor havia escrito um livro. Que bacana, né? Alguns amigos blogueiros estão estreando lindamente como novos talentos na literatura. Fico super feliz.

    O encerramento com as flores foi perfeito. Um colírio para os olhos.

    Ótima semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vera! Seu primeiro parágrafo trouxe um sorriso pra mim, quando vendo por esse lado, o falar da tristeza se justifica, no sentido de evitar uma partida prematura. O que não acho válido é o falar de tristeza sem sentido algum, como se fosse um alimento... bom mesmo é estar bem alimentado com satisfações.
      Minha filha tem 18 anos, hahaha, é novinha ainda, mas o relacionamento já dura mais de dois anos, se dão bem... como sempre digo, se for para serem felizes, que seja duradouro.
      Eu li a Marilene contando sobre os sobrinhos, eu também adoro quando meus pequenos sobrinhos vem passar a tarde comigo ! :D Me divirto à beça com suas tiradas inteligentes e ingênuas, típicas da idade.
      Eu também não sabia do livro do Nestor e recomendo, uma leveza impressionante acerca da vida;
      Um abraço!

      Excluir
  27. Sou louca pra entrar n'algum amigo oculto que envolva livros. Já recebi um livro de um amigo de graça. Dá uma alegria diferente, né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suzi! Seja bem vinda!
      Um amigo oculto de livros seria uma excelente ideia! :) Eu adoro ganhar qualquer coisa, até um grampo de cabelo me faz sorrir, hahaha...
      Um abraço!

      Excluir
  28. Oi Bia, antes de tudo, lamento por não ter participado do post anterior, tão importante, real e chocante! Mas é uma contribuição, que você gentilmente realizou, e que pode auxiliar tantas pessoas que se encontram em seu limite... Para viver feliz também precisamos enfrentar e passar por momentos difíceis não é?

    Bem, e pelo visto também cheguei no dia certo hoje: falar de felicidade, sentir a felicidade é comigo mesmo...rsrs Inclusive fiquei interessadíssima na obra de seu amigo "A fantástica viagem em busca da Felicidade". Amo esses temas e aprendo muito! O incrível é que por mais que lemos sobre isso, parece que não basta. Assim que terminamos um, logo buscamos com voracidade outro e mais outro...rsrs É INFINITO!! :))))

    Ah, o vídeo: que momento mais fofo!! A solidariedade e a união é que faz a força sem dúvida nenhuma! Inclusive fico encantada com o trabalho das blogueiras que se empenham em ajudar e espalhar um pouquinho de felicidade por aí!! Parabéns!!!

    E momentos felizes, tenho tido muitos! Mas nas últimas semanas tive alguns tensos em virtude de um provável câncer de pele (resultado do sol em excesso que tomei na adolescência que está se manifestando agora) Mas estou resolvendo tudo e vou tirar de letra! Assim que tudo passar, será um momento muito feliz! :))))) Se até aquele ator que faz o Volverine ( Hugh Jackman) foi diagnosticado com câncer de pele, então tudo vai dar certo!!

    O desfile de flores é encantador! As cores, a textura, a água para regar, o perfume que exala: tudo é um pedacinho da mais pura e linda felicidade! Obrigada Bia!

    Beijos e um belo fim de semana!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Adriana!
      Tem razão, a felicidade passa por momentos difíceis, porque são esses momentos que, superados, nos permitem valorizar a própria felicidade.
      Li alguns livro na linha autoajuda e havia dado um tempo nesse tipo de leitura, mas o presente do Nestor é um texto realmente diferente, que privilegia muito mais a leveza e trata das tristezas de uma forma muito suave. Quanto à você, percebo seu constante alto-astral nas suas postagens e citações, adoro!
      Eu adorei esses vídeos de animação, muito bem feito, hahaha! O meu preferido é a série das formigas, hahaha!
      Puxa, Adriana, essa questão do sol é tão séria, não é? E somos de uma geração onde o bronzeado era supervalorizado, a qualquer preço... eu sempre fui muito branquinha e era motivo constante de piada pelos colegas, queria tanto ter a pele dourada como a moda da época...
      Infelizmente a divulgação dos danos do sol à pele só vieram mais tarde. Uso protetor solar regularmente, três vezes ao dia. Estarei torcendo para que o seu tratamento seja um sucesso, pelo que sei é um dos tipos de câncer com maior chance de cura, não deixe de voltar para me contar sobre o andamento da situação. Acreditar que tudo vai dar certo é meio caminho andado.
      E leve minhas flores com você!!!
      Um abraço, cuide-se bem!

      Excluir
  29. Olá, Bia.

    A alegria é o aroma de felicidade, que exala das almas amadurecidas que já aprenderam a encontrar contentamento nas "pequenas" coisas da vida, compondo o grande mosaico das conquistas de uma existência humana.

    Um abração, bom final de semana e feliz começo de fim de ano.

    ResponderExcluir
  30. Olá, querida Bia
    Estava viajando e só vi o post agora...
    Como falei das dores da semana passada... rs.. vou falar das alegrias...
    Comecei muito bem o Dezembro tão sonhado por mim...
    Fui agradecer a Deus por bênçãos inúmeras recebidas...
    Conheci uma outra amiga virtual e tenho outros encontros marcados com outros...
    Saúde na medida e tudo o mais, idem...
    Com proposta nova no blog que espera por VC também...
    E em 2013, eis que surge nova inspiração:
    Como virá o meu Natal?

    Muito me alegrará se desejar participar da coletiva no período de 8/12 a 15/12... vou deixar o post atualizado com o link dos participantes... Não coloquei mais perto porque neste Tempo Natalino a prioridade deve ser mesmo a família e todos temos muito o que repensar, refletir e agir...
    No dia 1/12, publicarei o post convite e divulgarei a Interação entre amigos nos meios de comunicação social...
    Se puder, me confirmar a sua participação por e-mail desde já, me adiantará muito pois o linkarei na página inicial do meu blog durante o mês de Dezembro inteiro...
    Sem mais, por ora, agradeço o carinho com que prestigiaram todas as iniciativas dos meus blogs até aqui e desejo que a sua vida se transforme num 'mar de rosas' (problemas sendo resolvidos e cabeça fria para enfrentar o que há de vir, paz e serenidade interna para acatar, com coragem e galardão, o externo)...
    De qualquer forma, continuaremos amigos, se não desejar participar... tudo quando se pode... Agradeço desde agora...
    Compreendo os motivos particulares de cada um... também tenho os meus...
    A Interação é para nos irmanarmos (não é competição de post mais bonito, sei que sabem disso, perfeitamente)... vale a pena, enquanto temos vida nesta Terra... Aliás, ela é efêmera por demais... passa que nem um sopro...
    A gentileza entre nós resultará de mais motivação para encararmos o dia a dia com alegria...
    Abraços fraternos de paz e bem

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.