domingo, 8 de dezembro de 2013

Como virá o meu Natal

Interação promovida por Rosélia do blog Espiritualidade.

imagem by Bia


Ontem eu estava limpando a estante e olhei um calendário do ano que está acabando. Lembrei que sexta fui à farmácia com uma colega do trabalho, que ao olhar uma pilha de folhinhas de 2014 sobe o balcão, disse: "eu adoro calendários, levo para casa e penduro um em cima do outro". Visualizei automaticamente o preguinho pendurado ao lado do armário da cozinha onde já fiz dessas de ter até quatro calendários pendurados de uma vez só, no mesmo lugar!

Em meio à tantos impressos me perguntei o porquê dessa necessidade que temos de contar o tempo. Para isso uma folhinha já seria o suficiente, quando a própria mídia nos lembra as datas comemorativas dias, até meses antes da comemoração. Após a leitura de um blog constatei que o Natal, no comércio, começa em outubro! Até o dia da montagem da árvore virou propaganda de peru!

Esse tipo de iniciativa faz com que algumas pessoas se eximam de comemorar por acreditar que trata-se apenas de comércio. Uma pena... vejo essas ocasiões como oportunidades para reunir família e/ou confraternizar com os amigos. Guardo ótimas lembranças, inclusive dos que já partiram, oriundas de datas comemorativas. O Natal, especificamente, nos faz lembrar o quanto é importante manter-se aberto para o (re)nascimento, para o (re)novo em nossas vidas. Sentimentos e posturas envelhecidas emboloram e se espalham contaminando silenciosamente o que está à nossa volta...

Meu Natal virá com as portas abertas para a alegria, o perdão e a amizade. Sinto-me abençoada por perceber o quanto de amor há em minha vida e quero que ele seja o principal ingrediente na noite de Natal, servido à mesa com o chester, o macarrão e a maionese. Virá com a certeza sobre o quanto é importante buscar sempre a estrela de Belém, metaforicamente simbolizando a importância de se ter sonhos, objetivos, luz em nosso caminho. Os reis magos lembram-me que os pequenos presentes serão somente um carinho àqueles que são importantes em minha vida, passarão longe do consumismo desenfreado que perdura em faturas imensas no cartão de crédito ano afora. Perceberei, observando os animais do presépio, o quanto a vida pode ser simples e serena como um pasto verdejante... e na manjedoura repousarão todas as esperanças, agradecimentos e conquistas que tornaram esse um ano para ser guardado na memória.

Meu Natal virá com farta mesa posta e braços sempre abertos para quem torna minha vida significativa e para quem desejar fazer parte dela. 

Essa é a letra de música com a qual mais me identifico referente ao Natal - sempre digo que ela poderia ter sido escrita por mim (ironicamente usada numa propaganda famosa):

Quero ver você não chorar,
Não olhar para trás,
Nem se arrepender do que faz.
Quero ver o amor vencer
Mas se a dor nascer,
Você resistir e sorrir.
Se você pode ser assim,
Tão enorme assim eu vou crer
Que o Natal existe
E ninguém é triste
Que no mundo há sempre amor.
Bom Natal, um Feliz Natal,
muito amor e paz pra você,
pra você.


Edson Borges de Abrantes.
(sou fascinada por esses globos de Natal)

95 comentários:

  1. Então um lindo e maravilhoso Natal.
    Um beijo grande

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paulo, seja bem-vindo, pra você também, Natal inesquecível! Um abraço!

      Excluir
  2. "Os anjos disseram: Ó Maria! Deus te anuncia- Um Verbo, encarnado d’Ele, anjo novo é o messias, Jesus, Filho de Maria; será ilustre nesta vida e na outra; e estará entre os próximos a Deus.
    Ele falará aos homens, no berço, assim como na maturidade, e estará entre os virtuosos."

    DEUS vem nos visitar, alegremo-nos e n'Ele exultemos!!!

    Olá, querida Bia
    É um tempo para reflexão e vc não perdeu tempo...
    Lembre-se de mim (convide-me) na sua mesa que vai colocar no Natal, a do abraço sincero, sorriso espontâneo (mesmo com saudade dos que se foram)...
    Também estou com as portas da minha casa e do meu coração abertas para a Alegria...
    E ela não tem tranca... confio nos que vêm alegrar-se comigo...
    Mil motivos teria para obscurecer-me... enclausurar-me (o quanto já fui feita de boba na vida real e na virtual, por alguns falsos ( ex.: até hoje estou esperando receber algo pra obra beneficente da Ir. Eugênia que originou o meu primeiro livro e nada com a AMAZON)...
    Mas, NADA vai me abalar...
    JÁ DEU TUDO CERTO... é a minha lei de vida...
    Quando abracei a consigna há 14 anos, com mais afinco: O SENHOR É O MEU PASTOR E NADA ME FALTARÁ... já estava embutida a alegria "custe o que custar"...
    Nada nem ninguém me vai sufocá-la... O Menino Jesus é mais... e bem maior do que tudo e todos os malfeitores internos e externos...
    Me estendo no comentário sem medo pois vc é uma das que não se importam em ler e responder aos comentários com tanta beleza e exatidão que fico pasma com a sua inteligência, amiga... Parabéns!!!
    A letra da música é, de fato, maravilhosa em todos os sentidos: 'Se a dor nascer, vc (eu) vai (vou) resistir e sorrir'... é assim mesmo!!!
    Vou te contar um segredo que vc fez com palavras felizes no desfecho do seu post: "braços sempre abertos para quem torna minha vida significativa e para quem desejar fazer parte dela".
    Nosso Natal vai ser bem semelhante em todos os aspectos, querida Bia...
    Seja muito feliz e abençoada!!!
    Bjm já festivos de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rosélia! Você já é uma convidada de honra, visto que é a anfitriã que está proporcionando essa interação! Abraços, sorrisos e espontaneidade não faltarão por aqui!
      As saudades são a parte boa que guardamos bem protegida daqueles que já se foram... daí a importância de comemorar, para sobrepor saudades.
      Vamos colhendo decepções pelo caminho, mas plantando generosidade e alegria, a colheita do que é bom será farta e ofuscará as tristezas.
      A força e a fé sempre serão a melhor resposta daqueles que não se abatem e não cansam de (re)nascer.
      Nosso Natal será semelhante porque conseguimos compreender que o que importa da vida é a partilha do que é bom.
      Um abraço, obrigada demais pelo carinho!

      Excluir
  3. Adorei com virá teu Natal:com perdão ,alegria e portas abertas pra amizade! lindo te ler e sentir mais perto de ti! beijos,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, chica, minha companheira de ano todo! Portas bem abeeertas para tudo o que é bom! Você me ensinou... "abra a porta"...Um abraço!

      Excluir
  4. Oi Bia,
    Já vim várias vezes aqui hoje, achava que minha lista não subia.
    Gostei da sua postagem sobre o seu Natal que virá, você é uma pessoa que demonstra sentimentos nobres com seus semelhantes, isso a faz superior aos olhos de Deus.
    Amei...A música. Amanhã posto a minha.
    Um beijo
    Lua Singular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dorli! São os atropelos de final de ano que me fazem atrasar postagens e visitas... faz parte da festa. Já li sua participação, cheia de sentimentos. O importante é lembrar que renascemos todo dia.
      Essa música diz tudo o que eu queria dizer.
      Um abraço!

      Excluir
  5. Adoro esses globos tbm Bia, bem nosso natal esse ano não será afff...to tentando ver se consigo trazer minha vó aqui e meus irmãos pelo menos para jantarmos, mas esta difícil.
    Agradeço todo carinho que deixou no blog e senti seu abraço minha amiga.
    Essa tia que faleceu adorava o natal, praticamente todo ano era na casa dela. Por isso não quero passar em branco em homenagem a ela...pois temos que aproveitar cada momento junto com quem amamos.
    Essa musica é linda né...e qto ao comercio que se instalou é lamentável mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia, acho esses globos um encanto, está aí algo que eu colecionaria... fico igual criança vendo os floquinhos de neve caiiindo...
      Como desejo que caia sobre toda a sua família meu carinho. Quando perdi minha avó, depois minha tia (que também adorava o Natal) comemoramos a data como uma homenagem à elas. É importante compartilhar a companhia dos que estão conosco, isso é algo que sentimos muito forte quando perdemos alguém querido.
      Mas também é importante respeitar a posição de cada um, há pessoas que não sentem assim. Que o Natal traga de presente alívio da dor para todos.
      Um grande abraço!

      Excluir
  6. Bia seu Natal será lindo!

    E não poderia ser diferente, esperança, amor e simplicidade são a sua cara.

    Eu adoro Natal, não gosto dos presentes, gosto do encontro, do clima carinhoso, festivo e amoroso, gosto de ver a alegria das crianças da família e estar perto de quem amo. Acho que isto recarrega nossas baterias até o próximo Natal.

    Talvez a marcação do tempo não seja nada mais do que isto: Criar um novo fôlego, provocar em nós a sensação de recomeço, de fazer novo o que já se tornou velho, renovando esperanças.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Van, obrigada pelo carinho!
      Eu também gosto desse cheiro que permeio o Natal, de união e alegria. Hoje em dia fazemos amigo secreto com um custo baixo, não pelo presente, mas pela brincadeira mesmo... foi-se o tempo em que presentes eram a estral da festa. Hoje queremos trocas de afagos e sorrisos.
      Definiu muito bem sobre a marcação do tempo... senti que o texto acabou ficando um pouco no ar nesse sentido, hahaha, mas retomarei o assunto na postagem de Ano Novo.
      Um abraço!

      Excluir
  7. Bia, eu gosto do Natal exatamente por reunir a família, mas não gosto dos exageros que se cometem em prol dessa festa. Uma delas é dívida, pois o comércio incita isso.
    Tenho o Natal como uma festa de confraternização, de renovação em Cristo e por Cristo. Sinceramente não gosto do Papai Noel, que passa na frente do aniversariante e nunca dei a ele a honra de dar presentes aos meus filhos, sempre dizia que eu estava dando, com dinheiro que trabalhei e ganhei. Sei que muitos são contra isso, pois dizem que a gente mata a infância, mas minha raiva vem exatamente daí, pois meus pais nunca tiveram dinheiro para nos dar presentes, e eu acreditada que o papai noel fazia acepção de crianças ricas e pobres, pois enquanto uns ganhavam brinquedos lindos, eu e meus irmãos ganhávamos balinhas e pirulitos. Se tivessem me dito a verdade, eu entenderia a questão sem sofrer tanto.
    Que o natal seja uma comemoração de vida, graça, comunhão e nascimento de Cristo, nosso Salvador.
    Bjkas doces e boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marly!
      Também não gosto dos exageros com gastos... há pessoas que comem mal para gastar em presentes. E há aqueles que não admitem a passagem da data sem ganhar um bom presente. Tanto que, se a mídia é tão insistente nesse sentido, é porque tem público, não é?
      Interessante seu ponto de vista sobre o Papai Noel, acho importante compreender outro tipo de vivência em relação à figura natalícia. Eu acho importante cultivar fantasias infantis, mas sob esse aspecto tem toda a razão, seria menos pesaroso compreender a realidade se soubesse a verdade... essa partilha é legal para que se possa respeitar outras posturas também.
      O mais importante é que vemos no Natal uma oportunidade de renovar a partilha de vida, amor e união.
      Um abraço!

      Excluir
  8. Bia querida um texto valioso, eu tenho que
    agradecer a td isso por muito anos....

    Mas meu natal virá de manira diferente
    triste
    Sem festa

    Mas agradar, agradecer, ter fé ajudar quem precisa
    vai ser meu trabalho

    Não sei de que maneira mas vai ser a melhor possivel

    Abraços com todo meu carinho

    Bjuss de boa noite com bons sonhos

    _______________Rita!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita!
      Seu contexto esse ano será diferente, é compreensível que deseje um pouco de reclusão, de quietude... uma alma quando sofre precisa de um tempo de silêncio para se reencontrar.
      Desejo que o Natal traga o renascimento da fé e esperança e que o espaço que haverá deixado por quem partiu seja preenchido com lembranças boas e saudosas.
      Um abraço carinhoso!

      Excluir
  9. Olá!Boa noite,Bia!
    Parabéns pela participação na BC da Rosélia...Hoje o Natal tem essas vertentes, muitos se afastam porque o mundo celebra o Natal do comércio, da glutonaria, da embriaguez... daqueles que ficam tristes e sós porque não tem a possibilidade de presentear, da companhia ... por outro lado, o que vem no meu Natal, será uma data festiva e alegre, rica de símbolos e adereços. Uma oportunidade para presentear quem amo e comemorar o aniversário de Jesus.Ver os Corais se prepararem para cantar a história de Jesus. assistir o culto de Natal e celebrar a herança da vida abundante do Cristo..além de ser um ótimo período para a reunião familiar diante da árvore do Natal, com entusiasmo e vida, com alegria e festa,com o amor, e celebrar a reflexão do (re)nascimento e do (re)novo...( além de engordar um pouquinho...)
    Agradeço pelo carinho,obrigado, bela semana, beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Felis!
      Pessoas imaturas ou solitárias veem ocasiões como o Natal, Carnaval, Ano Novo como passe livre para o exagero, uma pena.
      Lembrou bem daqueles que não tem com quem compartilhar a data. Há muito casos de pessoas que fazem algum tipo de voluntariado nessa ocasião para aliviar um pouco o peso da solidão.
      Penso ser um privilégio que não deve ser desperdiçado esse de ter com quem comemorar uma noite de alegria e comunhão com quem amamos.
      Engordar um pouquinho faz parte... tem-se "licença poética" nessa época, hahaha.
      Um abraço!

      Excluir
    2. Olá!Bom dia, Bia!
      sim, é isso mesmo, duas vertentes,perfeitamente conciliáveis e como já dito... sem ostentação e exageros e nunca esquecendo do verdadeiro motivo da celebração dessa Data...
      sim...meus muitos parabéns, também!Fiquei muito feliz, por que vc merece tudo de bom, sempre...na vida e na blogosfera...sucessos sempre!
      ...e sempre é bom termos surpresas belas e agradáveis
      ...como estava em off, eu até acionei amigos/as , + íntimos , para passarem lá , e esses/as me responderam "xá comigo" e foram mesmo..., mas,quando recebi alguns emails/msn de amigos/as, dizendo que "sorry, perdi o prazo, esqueci o ítem de ser seguidores", pensei "oxiii, danousse, agora nem vem pedir minha casa para passar férias e só vou fazer churrasco com carne de segunda, e que cada um/a traga seus próprios talheres" ...hehehe! #brincs...
      Ser acarinhado, reconhecido e ver que há muita gentileza,lealdade, fidelidade e amizade na blogosfera ( e na vida), sempre será uma bela motivação e estímulo para seguir, não?
      agradeço pelo carinho, muito obrigado,belos dias, beijos!

      Excluir
    3. hahaha, Ai, Felis, convidar para churrasco, oferecer carne de segunda e ainda ter que levar os talheres, é dose, hahaha!
      Eu não fiz campanha, isso é o que mais me alegra e surpreende, ainda mais em um ano em que estive um pouco mais ausente da blogosfera...
      De qualquer forma, penso que todos os que estão na lista, de alguma forma, estão se destacando nesse meio social, quando muitos acabam desistindo após algum tempo de blog, mesmo com conteúdos excelentes. A correira do dia a dia não é fácil.
      Tem razão, é muito bom sentir carinho e reconhecimento. Muito bom.
      Desejo a você também tuuuuudo de bom, Felis!
      Ei... vou pensar duas vezes antes e ir se me convidar para um churrasco, hahaha!
      Um abraço!

      Excluir
    4. Bom dia...hehehe, nem eu me "guento"...não sirvo nem para pedir apoio, ... foram para três pessoas,uma amiga carinhosa que vem aqui, sempre,e essa foi gentil demais e foi mesmo, uma nem foi,porque está com o blog desativado,hehehe, e o terceiro,perdeu o prazo, acho que nem passa aqui...mas só para vc não ficar curiosa... é o primeiro comments do post da Patricia...hehehe, esse não convido mais para meu churras ... mas tem um belo blog,vale a pena conhecer...
      não consigo parar de rir, fuiii...beijos e belo dia...

      Excluir
  10. Linda a sua participação Bia.
    Alegria de pensarmos um pouco no Mestre
    e vermos o quanto ELE nos ensinou.
    Não esquecermos daqueles que precisam um pouquinho do nosso amor.

    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu
    Adorei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carmem!
      Penso que talvez para isso hajam as datas comemorativas, para nos fazer lembrar aquilo que vamos esquecendo com o passar do ano... época de renovar o amor e a fé.
      Época de generosidade e partilha, hábitos que devem perdurar o ano todo.
      Um abraço!

      Excluir
  11. Olá Bia!

    Que linda visão do Natal. Pena as pessoas não verem essa magia. Concordo com a tua maneira de sentir esta quadra festiva.

    Beijos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cris!
      Realmente, sou o tipo de pessoa que busca enxergar magia em tudo. Tenho olhos bem aguçados para a realidade e não costumo fugir dela, mas também pendo que enxergar com magia é uma escolha que torna tudo mais leve e agradável, visto que a realidade é o que é. Sei que também apura o olhar para enxergar assim, com alma.
      Um abraço!

      Excluir
  12. Olá Bia, muito lindo o que escreveu sobre o seu Natal! Que Deus te abençoe e continue a encher de amor e alegria a tua vida!.Feliz Natal para ti e tua Família., Beijinhos Ailime

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ailime!
      Obrigada pelo carinho, que o Natal traga muita luz para o seu caminho e o de sua família. Um abraço!

      Excluir
  13. Bia, a verdade é que o natal se transformou, se travestiu e isso incomoda-me, aflige-me.
    Por outro lado, a oportunidade de reunião, de festa com aqueles a quem amo, é extremamente importante, uma oportunidade a degustar com toda a calma.
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nina!
      Os apelos da sociedade capitalista me assustam, e o que mais me assusta, é perceber que o consumismo, não só nessa época, é uma tendência muito mais dos pais do que dos filhos, que são somente um reflexo. O amor tem sido substituído por presentes.
      Mas aqueles que ainda conservam em si o verdadeiro espírito natalino compreendem que estar com os seus é o grande presente de Natal. "A degustar com toda a calam"... adorei isso.
      Um abraço!

      Excluir
  14. É pena existir esse lado consumista do Natal ao qual temos alguma dificuldade em resistir. Há tanto brilho a enfeitar ruas, montras, casas, que acabamos por não ver o verdadeiro brilho, a verdadeira luz.
    Que venha esse Natal farto de amor , de esperança e de graças. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Luisa!
      É preciso refrear o impulso ao qual somos empurrados o tempo todo. Busco reciclar e reaproveitar os enfeites que tenho em casa para elaborar novos e assim diminuir o consumismo. Também não faço questão de presentes e aqueles que dou, são sempre pleo gesto, não pelo valor. Quem se preocupa com o valor monetário de um presente não sabe qual é o valor de sentimentos humanos e verdadeiros. Esses dias ganhei um desenho feito por quem amo que supera qualquer celular caro ou corrente de outro que eu pudesse ter ganho. :)
      Que venha esse Natal de cunho transformador.
      Um abraço!

      Excluir
  15. Oi, Bia, vou fazer minha postagem na quarta feira... não posso esquecer.
    Sabe que até hoje não montei minha árvore? Meus filhos já grandes e nem se importaram com isso.
    Mesmo assim, o Natal vai ser ótimo, como tem sido ultimamente.
    E que Jesus renasça em cada lar e toque o coração de cada um, pra perdurar por todo o ano de 2014.

    Beijos, menina!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Clara!
      Final de semana pretendo visitar todos os participantes e apreciar a visão de cada um sobre o Natal.
      Todos os anos montei a árvore, mesmo faltando um ou dois dias para o natal... mas esse ano eu quis uma árvore maior (ganhei uma usada da minha mãe), fiz questão das luzes e do capricho nos detalhes. Não tenho crianças, mas quis o elemento vivo do Natal na minha sala simbolizando a vontade de vida nova, que já está acontecendo. Há noites em que ligo as luzinhas e fico sentada no sofá observando e sonhando como eu gostaria meus próximos natais... Mas essa foi uma questão pessoal, hahaha.
      Tenho certeza, Clara, que com ou sem árvore de Natal seu Natal será maravilhoso, porque transborda sentimentos de amor, paz e renascimento.
      Um abraço!

      Excluir
  16. Olá Bia!
    Seu Natal está prometendo, vai ser mesmo de muita luz e alegrias, mesa farta e família amorosa. O meu também, sempre o é, ainda tenho a alegria de ter minha mãe conosco todos os anos e como ela adora esta data, faz aniversário no dia seguinte até.
    Que seja como você planeja e espera!
    um grande abraço carioca
    e ...
    que presente vai pedir ao papai noel? passa lá no blog e responda-me.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Beth!
      Sempre gostei de comemorar a data, dos cheirinhos que se espalham pela casa, da alegria dos primos, da reunião e da festa... e fui sentindo essa vontade ainda mais crescente quando perdi minha avó e me dei conta do quanto é importante estar perto de quem amamos nesse momento. Ainda hoje eu disse isso... nunca sabemos até quando as pessoas estarão em nossas vidas, isso independe de idade. Mas não é para vermos esse fato com melancolia, e sim com alegria, por aqueles que ainda temos a oportunidade de compartilhar a companhia. Darei um pulo no seu blog, será que o papai noel me atende? hahaha
      Um abraço!

      Excluir
  17. Que bela postagem, Bia. Bem como o Natal. Ainda que a data seja triste para pessoas que perderam entes queridos. Sobre isso de ser um 'comércio', é uma bobagem, porque os presentes não diminuem a celebração e não deixa de ser um gesto de carinho Adorei o post. bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sérgio!
      Não sou contra presentes, sou contra exageros, ostentação... hoje acho um mimo quem produz bolos ou biscoitos para presentear vizinhos, colegas, pessoas que prestam pequenos serviços o ano todo... eu comprei minipanetones e umas caixinhas de madeira para guardá-los (preciso pintá-las já, hahaha) para presentear algumas pessoas queridas somente como uma lembrança.
      O importante é o carinho empregado no gesto.
      Um abraço!

      Excluir
  18. Oi Bia,
    Linda sua postagem.
    Como você, meu Natal também virá com as portas abertas para a alegria, o perdão e a amizade. E a renovação... que é para a gente não embolorar, rsrsrs.-- Gostei dessa! Bjs. Marli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marli, seja sempre bem vinda!
      Emboloramos, criamos teias de aranha, envelhecemos antes dos tempos quando não nos permitimos viver essa renovação frequentemente. E deixamos de aproveitar o melhor da vida.
      Um abraço!

      Excluir
  19. Oi Bia,
    boa tarde,
    eu amei a letra desta canção,
    acho que ela foi criada com os desejos de muitos de nós,
    verdadeiramente muito bonito,

    (re)nascimento, (re)novo ... "brilhante e inteligente"
    mas eu,
    eu fico louco com o Natal!

    Desejo-lhe uma bela tarde de terça e uma maravilhosa semana
    um grande abraço

    (e não se esqueça que eu sou seu torcedor)
    =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ariel... essa letra de música impulsiona o indivíduo a olhar em frente, a acreditar no amor, na superação, no perdão. Acho fantástica.
      "Eu fico louco com o Natal", hahaha, adorei isso... eu também tenho minhas "piras" de vez em quando...
      E acredite, consigo sentir, sempre que vem aqui, o quanto você torce por mim. E me conforta saber que muitos torcem. :D
      Um abraço, seja feliz, muito feliz!

      Excluir
  20. Oi Bia,

    Sempre me emocionei com essa música, o natal sempre foi uma data muito esperada por mim, tenho lembranças maravilhosas de natais inesquecíveis...

    Esse ano e os próximos que virao, passaremos sem nossa estrela mais brilhante, ( Minha querida tia Cibele) mas por outro lado, o céu estará mais iluminado do que nunca...

    Querida amiga, desejo um Natal cheio de amor e paz pra você e toda sua família...

    Abçs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vanessa!
      Desejo que essa estrela que brilha agora no céu brilhe também no seu coração enchendo-o de alegria pelas lembranças dos bons momentos que passaram juntas. Um abraço carinhoso!

      Excluir
  21. Que texto lindo, Bia!
    Quisera pudéssemos ter um Natal onde o amor e a fraternidade estivessem em primeiro plano. O comércio e a mídia enfeitiçam a todos. Achei o fim da picada essa história da ceia pra montar a árvore.

    Aproveito para agradecer pelo comentário tão sensível lá no IMD e parabenizá-la por figurar na lista dos blogs do Xícara de Ouro.

    Um brande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paty!
      Ainda bem que não fui só eu... pegaram o gancho do início do advento par vender peru. Como pode?
      Se as pessoas não alimentarem o comércio da época em demasia, o ímpeto da mídia regride. E quem sabe o verdadeiro significado do Natal, aparece.
      Eu comento porque gosto de estar em seu espaço e agradeço a parabenização, não aconteceria se o pessoal não tivesse indicado o meu espaço, o que me deixa muito feliz. :D
      Um abraço!

      Excluir
  22. É este o espírito do Natal: alegria , perdão e amor todos recíprocos e encarados humildemente diante do espelho da vida na qual somos refletidos. O Menino Jesus é o visitante ilustre que nos solicita para refletirmos sobre tudo isto que nos humaniza na sua santidade. Feliz Natal! Bela participação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Claudete, seja bem vinda!
      É verdade... avida acaba mesmo sendo um reflexo do que somos, do que sentimos e do que devolvemos ao mundo.
      Obrigada pelo carinho, um abraço!

      Excluir
  23. ¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•

    Meu agradecimento pelos carinhos todos nesse ano e desejos de FELIZ NATAL e lindo, iluminado e com muita garra 2014 ! beijos,chica

    ¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•*´¨`*•

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. chica, Obrigada você pelo carinho constante e ensinamentos que suavizam a alma. Um abraço, Natal fantástico pra você!

      Excluir
  24. Bia, também não sei porque as pessoas tem tanta necessidade de contar. Devíamos nos esquecer que o tempo está passando e que estamos envelhecendo.
    Quanto ao Natal, infelizmente a maioria das pessoas se esquecem do seu verdadeiro significado e só preocupam com o consumismo. Uma pena.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Gilberto!
      Tem razão, lembrar que o tempo passa e com ele, nossa vitalidade, causa uma angústia danada...
      Há os consumistas, mas há também aqueles que fortalecem sua fé no amanhã. Desejos que o segundo grupo seja cada vez maior.
      Um abraço!

      Excluir
  25. De braços e portas abertas para os valores e sentimentos que realmente importam na vida, teu Natal, Bia, virá iluminado de esperanças renovadas, espalhando sorrisos e confirmando a presença do Bem Maior no coração de cada pessoa que te cerca.
    Temos sim, que sabermos desvincular a festa do apelo comercial que traga as tradições numa equivocada aparência de felicidade.Persistindo em mantermos vivo o real significado da data iremos conseguir semear nos corações dos mais jovens o cultivo dos bons sentimentos que florescerão em iguais atitudes vida afora.
    Um grande e Feliz Natal, pra vcs!
    Bjos:)
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Calu!
      Que assim seja, que seus desejos cheguem até aqui e materializem-se. :)
      Penso como você, Calu, fomentar o real significado do Natal e multiplicá-lo é tarefa dos adultos a ser semente plantada nos mais jovens.
      É nessa atitude que reside a esperança de novas gerações preocupadas com o que realmente importa, o convívio com as outras pessoas.
      Um abraço!

      Excluir
  26. Olá, Bia.

    Bela postagem. Apesar dos excessos e artifícios do comércio, o natal é um convite a reflexões, uma busca do renascimento interior; um acordar de esperanças, e anseios pelo bem de verdadeiramente felizes anos novos.

    Um abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Apon!
      Hoje eu estava pensando em escrever sobre isso... o "balanço" só é válido se o saldo final for adentrar o novo ano com alegria e esperança renovadas.
      Um abraço!

      Excluir
  27. muito bom este clima proposto neste post!
    cheio de vida cheio de coração!
    parabéns (inclusive pela xícara de ouro que tomo conhecimento apenas agora)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ricardo!
      Obrigada pela parabenização e pelo carinho... vida e coração... duas palavras que não me deixam, hahaha.
      Um abraço!

      Excluir
  28. Boa noite, Bia. Linda a sua postagem.
    O amor de Jesus em nossa vida, Sua paz e alegria em nossos dias.
    É o que queremos, nada que seja comercial, apenas queremos que exista fé e bênçãos em nossas dias.
    O valor do Natal para muitos resumiu-se em comércio, gastar além do que pode-se.
    O verdadeiro espírito do mesmo não é esse.
    Ainda bem que existem pessoas no mundo que valorizam o significado real do que seja ser NATAL.
    Lembremos sempre que o amor e o perdão não podem existir de boca, tem de vir do coração sincero.
    Bela participação.
    Beijos na alma e paz!
    FELIZ NATAL!

    Ah, amo a letra da música e a melodia!
    É esse o espírito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia!
      "Lembremos sempre que o amor e o perdão não podem existir de boca, tem de vir do coração sincero."
      Sentimento não tem validade quando não é sentido. Levar a emoção do discurso à prática é difícil, porque a prática se faz cotidianamente. Na correria do dia a dia as resoluções acabam se perdendo pelo caminho... que bom que há o tempo do resgate.
      Um abraço!

      Excluir
  29. Também participo dessa interação e cá estou para lhe prestigiar! Gostei imenso de seu relato e sua posição quanto ás festas.Desejo a você e sua família o mais lindo Natal! Um forte abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Maria!
      Tudo de bom para você e para os seus, Maria, um Natal que traga coragem e luz. Um abraço!

      Excluir
  30. Olá Bia,

    Também gosto demais desta música e letra. Para mim, ela é o símbolo do Natal.
    Sua participação ficou linda demais. Parabéns! Não é à toa que seu blog recebeu brilhantemente o segundo troféu 'Xícara de Ouro' (Parabéns por isto também. Muito merecido).
    Achei engraçada a história dos calendários. Estranho imaginar vários calendários fixados na parede, uns sobre os outros-rs.
    Vejo o Natal como uma festa linda, embora, sem saber explicar porquê, ele me traz certa melancolia. Sempre quando estamos reunidos em família nesta data uma indagação me assalta: "será que estaremos todos juntos no próximo Natal?". Sei que é paranoia, mas não consigo evitar. Até esqueço que devemos saborear os minutos juntos sem pensar no amanhã.
    É certo que o Natal se tornou, para muitos, uma data voltada para o comércio, mas ainda conservo aquela tradição religiosa do verdadeiro sentido do Natal.
    Amei ler seu texto.
    Que seu Natal seja exatamente assim como idealizado e desejado por você e que junto venham as bençãos de Jesus-Menino. Feliz Natal!
    Aguardo você para os votos de final de ano.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vera!
      É uma pena que essa música esteja meio perdida no tempo, talvez por ter sido associada à uma propaganda! :(
      Obrigada demais por seu carinho em relação à Xícara de ouro... você também ganhou e a parabenizo por isso, igualmente merecido! :)
      Sobre os calendários... conheço várias pessoas que fazem isso, hahaha, acho que gostam das figuras, dos estilos diferenciados...
      Acho que essa "paranoia", como denominou, é normal, porque talvez justamente essa sensação de efemeridade, de não sabermos qual é o curso da vida de todos ali, é o que faz com que a comemoração seja significativa. Por isso é importante, nesse momento, tentar manter a alegria, para aproveitar na medida certa.
      Obrigada pelos votos, pelo carinho e farei minhas visitas de Natal mais pertinho da data. me aguarde, hahaha.
      Um abraço!

      Excluir
  31. Oi Bia,
    Passando para dizer-lhe que tem prêmio dourado no meu blog pra você. Venha buscá-lo
    Linda tarde
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, estou indo buscá-lo agora! Assim que for possível, passo para os outros blogs... já estou colocando na galeria de selos! Um abraço, e obrigada pelo carinho!

      Excluir
  32. A música é linda e emociona, Bia... e de fato o Natal tá muito comercial, poucos sabem ou lembram o verdadeiro sentido. :/ abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Barbie! Quem sabe isso um dia muda, não? Um abraço!

      Excluir
  33. Bia,

    Esta musiquinha tao doce me faz chorar. Faz parte do passado.

    Eu curto calendários, geralmente tenho vários. Não sei por que... rsss... quando criança e adolescente, eu amava receber do exterior o calendário alemão que cada dia tinha um chocolate. Vi vende-los aqui no Rio de Janeiro. Comprei alguns anos seguidos para minha filha e desisti, não significou nada para ela.

    Hoje, infelizmente, não gosto de Natal. Passo muito sozinha e me causa tristeza.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sissym!
      Essa música seeempre me arranca lágrimas dos olhos... olhar avante e sempre com muito amor. Tem mensagem melhor?
      Só esse ano já ganhei dois calendários, hahaha, quero só ver se vou fazer pilha no preguinho, hahaha.
      Interessante sua história sobre os chocolates alemães - que são uma delícia, por sinal, uma vez um primo que estava trabalhando lá mandou uma caixa - porque mostra o quanto as pessoas valorizam coisas diferentes. Para sua filha não significou nada, pra você sim... às vezes isso acontece aqui em casa e minha filha se impressiona com o olhar que tenho sobre as coisas. Acho interessante que seja assim, porque gera uma troca de pontos de vista.
      Que pena seu Natal ser triste... fadinhas merecem um Natal brilhante. Precisamos reverter isso.
      Um abraço!

      Excluir
  34. Eu adoro calendários! Ontem mesmo comprei um do Pequeno principe,lindo! Acho que tenho essa coisa de contar o tempo,talvez numa tentativa de controlar o incontrolavel...rss...Não deixo de lado o espírito natalino e gosto demais de reunir a familia.Desejo a vc um feliz Natal junto aos seus familiares,Bia! Obrigada pelo carinho esse ano em meus blogs! bjs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Anne!
      Nossa, eu adoro o Pequeno Príncipe, seu calendário deve ser um encanto.
      Eu já andei desistindo de controlar o incontrolável, ainda que isso em alguns momentos torne-se inevitável, hahaha.
      Que o seu Natal em família seja maravilhoso e inesquecível!
      Um abraço!

      Excluir
  35. Pois é...dia a dia, 365 dias estão se passando e o ano de 2013 acabando...
    Então é Natal!
    Linda a sua forma de escrever!
    Feliz Natal!
    bj Sandra
    www.projetandopessoas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sandra!
      Obrigada pelo carinho, Sandra, um abraço!

      Excluir
  36. OI BIA!
    PENSO EXATAMENTE COMO TU, SE É COMERCIO SÓ O É PARA QUEM PERMITIR QUE ASSIM O SEJA. PARA MIM ESTA NOITE É MÁGICA, RECORDO MINHA INFÂNCIA, MEUS PAIS, IRMÃOS E AGORA UM MOMENTO DE ESTAR COM MEUS FILHOS E NETO.
    FELIZ NATAL AMIGA, QUE "DEUS" SEJA PRÓDIGO EM BÊNÇÃOS PARA TUA VIDA.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Zilani!
      Achei tão bonita a forma como levou seu comentário, com uma saudade leve, sem que a magia se perca porque os anos trouxeram filhos e netos... ver as coisas assim, como é o caminhar natural da vida, é grande sinal de maturidade e sabedoria.
      Que as bênçãos em sua família sejam abundantes...
      Um abraço!

      Excluir
  37. Olá Bia, realmente é esse Espirito de Natal que vamos Celebrar aqui em casa o Nascimento do Grande Mestre Jesus, com os Amigos e Familiares...
    e com a música que é perfeita e também gosto muito..

    Que nós tenhamos...
    Bom Natal, um Feliz Natal,
    muito amor e paz pra você,
    pra você.

    1000 Beijokinhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Miriam!
      Obrigada pela visita, e que o seu Natal também seja assim, recheado de amor e paz. Um abraço!

      Excluir
  38. Eu adorava ver meu pai destacar e ler em voz alta
    o pensamento e o santo dia dia na 'folhinha do Sagrado Coração
    de Jesus'. Era um ritual tão significativo. Hoje é o unico que
    procuro ter lá num cantinho da minha cozinha.
    O tempo urge....gosto quando vejo meus filhos felizes e conseguindo
    viver bem apesar dos pesares do nosso Brasil. Gosto de minhas caminhadas.
    Gosto de ver o tempo me alvoroçar por dentro. Gosto de gostar.

    Tem gente que me encanta e que dá uma vontade grande de abraçar,
    de ter por perto, você é assim pra mim. Toda vez que te leio queria
    estar numa conversa longa (daquelas de varar a noite, como fazia
    anos atrás) . você sabe. me entende.me lê nas entrelinhas e deixa menos
    densos meus desassossegos.

    Obrigada. Que o amor resplandeça e brilhe em cada cantinho
    de sua casa. Que haja muita consideração, reconhecimento
    e aconchego.

    [contém 1 beijo]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Margoh!
      Puxa, sua lembrança remeteu-me à uma tia querida, muito católica que já se foi... ela tinha um desses calendários na cozinha e eu achava o máximo. E o legal é que eram pensamentos muito significativos pra ela que estendia esse sentimento a nós.
      Também gosto muito de ver minha filha traçando seus caminhos com alegria e das minhas caminhadas onde a natureza sempre me faz lembrar como é bom viver.
      Seu segundo parágrafo me emocionou de um jeito... porque acompanho seu blog e sei o quanto sua alma é de uma sensibilidade e profundidade ímpares e ler que gostaria de varar a noite conversando comigo é de alguma forma, especial. Às vezes sinto falta de varar a noite conversando. Gosto do silêncio no mesmo tanto que gosto das conversas. Gosto de pessoas... principalmente as de alma frágil, que sempre tem algo lindo a mostrar quando se sentem seguras para tal.
      E seus desejos para o meu Natal não poderiam ser tão perfeitos.
      Quero aprender contigo a gostar de ver o tempo me alvoroçando por dentro...
      Um abração e obrigada pelo carinho.

      Excluir
  39. Sua visão do Natal é perfeita, Bia. Apresenta o real espírito da data, o clima de confraternização e de amor. Essa correria desenfreada, excessos no consumismo, exagero à mesa... não combinam com o aniversário que se pretende comemorar. Ficou bela sua participação.
    Parabéns pelo "Xícara de Ouro", merecidamente conquistado, em vista da qualidade de suas postagens.
    Desejo-lhe um Natal de bênçãos e de luz, ao lado dos que lhe são queridos. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marilene!
      Os excessos não são bons de jeito nenhum, não é mesmo? Ainda assim, às vezes escorregamos, hahaha... Obrigada pelo carinho do ano todo, pelos desejos e me aguarde... ainda estarei em seu espaço para os desejos de Natal.
      Um abraço!

      Excluir
  40. A essência do Natal no teu Natal!
    Acolhedor, aconchegante tuas palavras, tuas atitudes.
    Num momento em que muitos estão exaustos de todo tipo de consumos e exageros natalinos, sua participação nesta blogagem resgata de maneira linda e simples essa data festiva.
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana!
      Ler a palavra simples no seu comentário me fez pensar que não há nada mais simples do que as simbologias do Natal. Jesus nasceu em uma manjedoura no meio do nada deitado sobre palha. Certamente não se preocupa com exagero de pompa.
      Obrigada pelo carinho, um abraço!

      Excluir
  41. Olá Bia
    Que linda maneira de decidir como será seu natal amiga. Sempre digo aqui em casa que nosso lar é nosso refugio e que não precisamos de uma data ou um dia especial para demonstrarmos o quanto a nossa família é importante, tanto que como estou doentinha não estou planejando nada, mas tudo que fazemos no imprevisto dá certo. A arvore de natal foi filhinha que montou e eu deitada só observando, ela terminou o namoro recentemente e esta um pouco abalada com o termino.
    Lembro bem de meus natais, sempre com a minha avó, pois meus pais fiquei muitos anos sem os ver, mas acredite todos foram muito felizes. Minha recordação eram as bolachinhas em forma de arvores, estrelas eram meus presentes. Sempre amei o simples e não perco esta minha maneira de enxergar as coisas. Nada deve estragar um dia que sempre comemoramos com alegria e saudades daqueles que não estão mais junto conosco, mas que estarão sempre em nosso pensamento e coração.
    A musica é perfeita, gosto muito e ainda canto bem alto aqui em casa... rs
    Querida amiga, agradeço o carinho e companhia neste ano que esta quase no fim e lhe desejo um lindo natal e que Deus abençoe este dia tão especial, com muito amor, respeito e harmonia a você e sua família. Beijinhos da Verinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Verinha!
      Tem toda razão, devemos estar atentos à quem amamos o ano inteiro, sem dúvida alguma, a data é somente um pretexto para reforçar os laços... fiquei preocupada com sua saúde, o que aconteceu? Final de namoro não é fácil, desejo que o coração dela se restabeleça em breve.
      Que doçura amaneira como descreveu os natais com sua avó... minha filha cresceu longe do pai e não tem interesse em manter contato, porque sente que essa parte foi nutrida por outras pessoas. Há casos em que as crianças crescem com ambos por perto e não são felizes. A Chica me enviou ano passado uma receita de bolachinha, ainda preciso testá-la, hahaha, acho o máximo!
      Essa música eu estava cantando esses dias pra minha sobrinha pequena, ela adorou!
      Muito obrigada pelo carinho, que esteja melhor até o Natal e que seja um dia de muita luz e alegria.
      Um abraço!

      Excluir
  42. OI Bia, que seu Natal seja assim mesmo com mesa farta e braços abertos. Receita pefeita para um Natal maravilhoso.
    Parabéns por estar na Xícara de Ouro do blog Café entre Amigos da Patrícia Galis.
    beijos
    Chris
    Inventando com a Mamãe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Chris!
      Seja bem vinda e obrigada pelo carinho, um abraço!

      Excluir
  43. Boa tarde e um lindo sábado pra vc!

    Vim deixar meu abraço pelo ano todo que você
    esteve comigo, desejo que me 2014 nossa amizade
    permaneça sempre com muito amor e nossos sonhos
    e realizações venha com grande vitória, mais uma vez
    agradeço por tudo que ganhei nesse Blog , volto em janeiro
    Boas festas e um ano cheio de muita paz e luz!!!

    Rita!

    Ϡ₡ღ¸✿-:¦:-•´¯` ✻.¸¸.ღ♡ღ .¸¸.✻´´¯`•-:¦:Ϡ₡ღ¸✿-:¦:-•´¯` ✻

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rita!
      Muito obrigada pelo carinho, espero estar junto contigo em janeiro.
      Um abraço!

      Excluir
  44. Bia, vim te dar os parabéns, pela Xícara de Ouro!
    Não tinha dúvidas de que seu blog seria dos escolhidos! Maravilhoso!
    Beijos, garota!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clara, obrigada você pelo carinho, não sabe o quanto a lembrança das pessoas sobre o meu espaço me deixou contente.
      Um abraço!

      Excluir

  45. Querida Bia, não poderia deixar de passar aqui, mesmo com um recadinho pronto. Estamos no período natalino, o Natal do Menino Jesus está próximo, anunciando as maravilhas da vida.
    Quero agradecer o carinho a me dedicado ao longo desse ano, sempre presente, me dando o prazer da sua visita.
    As grandes conquistas, não são alcançadas em um dia. A vida se conquista com amor, coragem e perseverança. Que o seu Natal seja repleto de paz, felicidade e alegria e que o Ano Novo seja repleto de esperança, amor e realizações: Paz... Amor... Saúde... Alegria e Prosperidade. Que a magia do Natal transforme essas palavras em muitas felicidades para você e lhe traga um ano novo próspero e feliz!
    FELIZ NATAL E UM ANO NOVO ABENÇOADO.
    Abraços da amiga Lourdes Duarte

    ResponderExcluir
  46. CLAP! CLAP! CLAP!
    Isto é o meu aplauso prá vc, Bia!
    Lindo post!

    Tive que rir do "dia de montar de montar a árvore"... o dia de comprar peru rsrsrsrs... é bem assim.
    Em 2014, seja minha 'nova amiga de infância'.

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
  47. sou totalmente igual nos teus sentimentos sobre o natal. não podemos nos impregnar com o ranço reinante sobre o consumismo, que o aniversariante é esquecido, etc. Jesus é maior do que isto e não preciso do natal pra tê-lo em meu coração. no natal gosto de curtir a família mesmo, sem grandes luxos. bjs

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.