sábado, 29 de novembro de 2014

Dicas para as férias e agradecimento

Essa semana escolhi deixar divagações um pouco guardadas. Como vários blogueiros aproveitam dezembro para organizar a vida e descansar um pouco - se é que é possível descansar nessa época, kkkk, antecipo umas dicas que tenho garimpado com o objetivo de tornar as férias mais interessantes... que remédio? kkk

Para todas as idades
imagem by bia


Esses dias, ensinando coordenadas para os meus alunos, lembrei das ótimas tardes que passei com meus primos jogando jogos de tabuleiro. As coordenadas são usadas no jogo em dupla chamado "Batalha Naval", onde é necessário somente papel quadriculado, caneta ou lápis e duas pessoas. :D As regras estão ---> aqui. O objetivo é acertar as embarcações do adversário através de coordenadas, Há também a opção de jogar online e um app do jogo no Google play - que lógico, já baixei no celular, kkkk. Basta digitar na barra de pesquisa "Batalha Naval".

Outro jogo que também só usa papel e caneta é o "Detetive". Para jogar em grupos maiores (5 ou mais pessoas), no sorteio os papeis trazem o personagem: um detetive, um assassino e as vítima. O assassino "mata" a vítima com uma piscada, que cai sobre a mesa dizendo "morri", disfarçando de quem recebeu a piscada para confundir o detetive.
Ganha o detetive se descobrir o assassino antes que terminem as vítimas - nesse caso ele diz para o assassino "preso em nome da Lei", ou o assassino se matar todos sem que o detetive descubra. :DDD
Joguei também muito stop, forca, jogo dos pontinhos... clique ---> aqui e veja as dicas de 20 jogos usando somente papel e caneta. Para ler as regras basta clicar no desenho de cada um.

A última dica é escrever cartas de amor! Isso mesmo! Já falei sobre o projeto More love letters... escrever cartas de amor e deixar por aí! Eu posto as minhas no Facebook. Ou enviar a instituições. Leia ---> aqui a história inspiradora do menino Toby Little, que começou a escrever cartas aos 5 anos de idade com a ajuda dos pais para enviar a pessoas e instituições de diversos países!


Para adultos


Lendo uma revista Nova Escola antiga, descobri essa dica super ---> aqui: o portal especial de férias! Dei uma "bizoiada" pelos ícones e tem dicas para passar as férias inteiras com ótimas opções. Basta clicar nos balõezinhos.

Para ler com prazer: dicas de contos, livros, testes e jogos de literatura.
- Museus virtuais: 5 dos maiores museus do Brasil para passear interativamente.
Recarregando as energias: dicas para relaxar e voltar à ativa com tudo.
Vídeos para curtir: dicas de filmes, documentários e palestras curtas.
Sons para relaxar: trilha sonora para se desligar de tudo.
Passeios bacanas: basta clicar no mapa no estado onde mora para encontrar dicas de passeios bacanas e em conta.

Para todas as idades - virtual


Citei no post sobre criatividade: para encontrar as mais malucas e viáveis ideias para fazer com as crianças e adolescentes, a melhor dica é o portal "Manual do Mundo" ---> clique aqui. Experiências, desafios, dobraduras, brinquedos, mágicas, experimentos científicos, impossível cair no marasmo com esse site por perto. Os vídeos com passo a passo são bem explicativos e grande parte dos experimentos usam materiais caseiros. Diversão garantida!!! 

Agradecimento


Como diria a Chica, o carteeeeeeiro me entregou duas gratas surpresas essa semana: os mimos da Rosélia Bezerra e o "kit sucesso" do Nestor Alcará.
Abriram um sorrisão de ponta a ponta no meu rosto!!! Muito obrigada pela lembrança e generosidade, carinho em dobro para vocês!!!


Dicas legais de sites, jogos, filmes para férias, poooorrrr favoooorrrr, deixem nos comments, ok? :D


48 comentários:

  1. Olá, Bia Hain
    Bom tudo.

    Vim, desejar-te, um fim de semana, bem bom.
    Muita Paz. Desejos de alegria. Certeza sim, que independente da tua religiosidade, o Criador, está sempre de plantão, olhando por mim e por ti, e nos convidando, a refletir sempre, que o melhor do mundo, somos nós, os seres humanos. Por isso, somos humanos e, criados, à sua semelhança.
    Dito isto, te convido a vim " cumê' um "manuê" cá no meu blogue.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, José! Dei uma espiada em seu blog e o Manuê é de saltar aos olhos! Obrigada pelo convite, um abraço!

      Excluir
  2. Bia,
    Tem aí planificação para uma centena de férias. :)
    Bom descanso!

    Beijo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, AC, tem razão! Se for para entrar e executar cada indicação, diversão nas férias não irá faltar! :) Um abraço!

      Excluir
  3. Gostei das tuas dicas e o Batalha Naval é tudo de bom! Tá difícil de encontrar os formulários, mas nós mesmos os fazemos.,Todos gostamos ,desde sempre!
    E os mimos, coisa bem boa,né? Valem sempre!

    Como dica de férias de verão: praia, praia, praia,rs bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Chica! No link indicado tem o formulário do Batalha Naval pronto para imprimir. Joguei muito com meu irmão também. Mas desse jeito da foto, com as folhas que sobram do caderno de matemática, é facinho de fazer!
      Mimos sempre são bons, independente do que sejam... mostram o carinho de alguém para conosco.
      Aaaaaah, Chicaaaa, sabe como eu adoro praia!!!! Poderia até morar na praia tranquilamente!!! Se houver a oportunidade de ir com certeza darei um pulo por lá. Abração!

      Excluir
  4. olá, querida Bia
    Vc me enviou um livro muito otimista relativo ao seu Projeto e retribuí, com alegria e carinho... Nunca joguei batalha naval...rs...
    Bjm fraternal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rosélia!
      O livro foi enviado com todo carinho e tenho certeza que o retorno foi recíproco. Mais uma vez, agradeço! :D
      Nunca jogou batalha naval? Essa é a hora!!! rsrsrs
      Um abraço!

      Excluir
  5. Noooossa quanta coisa legal, muita diversão pra poucas ferias kkkk, adori.
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Lila, é verdade, as férias passam num piscar de olhos... o legal é que dá para fazer essas atividades até com chuva. Um abraço!

      Excluir
  6. Bom dia querida Bia.. não tive alguns dos jogos citados.. só tinha banco imobiliário srs
    mas era divertido tb...
    um joguinho que muito gosto é o resta um..
    demorei mas consegui deixar uma só peça no centro dele.. até fiz video para não esquecer do feito srs
    que a criança seja sempre criança.. tem de ter isso ao invés de celulares e mais celulares..
    minha sobrinha não sabia com 5 anos fazer o nome.. mas sabia entrar em internet e vasculhar todo o aparelho.. que fim né rsrs
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Samuel!
      Joguei muito Banco Imobiliário e até hoje jogo. Minha filha comprou a nova versão, mas eu gostava mais da antiga mesmo, mais simples. Muito bom.
      Resta um também já joguei, é mesmo difícil deixar só um no centro, kkkk.... mas eu nunca filmei o feito, kkk... fiquei curiosa para ver ser vídeo.
      Esse depoimento sobre a sobrinha de cinco anos reflete bem a nova geração. Celulares, vídeo games, computadores, são ótimos recursos da atualidade, desde que não tomem todo o tempo das crianças. Balancear com outras atividades é fundamental até por uma questão social, de interação com outras pessoas. Um abraço!

      Excluir
  7. Percebo mesmo que os blogs já estão engatando a marcha lenta! Espero que no próximo ano, voltem com força total!
    Adorei as dicas, principalmente sobre as cartas, vou dar uma espiada!
    E receber mimos é tudo de bom! Especialmente em tempos que carteiros costumam só entregar contas...
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ana! Estou na blogosfera há três anos e nessa época é assim, o povo debanda, kkkk!
      A carta do garoto é muito fofa, simples e inspiradora! Eu gosto muito de deixar cartas por aí, atualmente faço as minhas com recortes de revista e canetinha, com mensagens curtas e otimistas... espero de fato que faça a diferença no dia de quem encontra.
      Coooontas??? O que é isso??? kkkkk
      Um abraço!

      Excluir
  8. Saudades do tempo em que as crianças se entretiam com esses jogos.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elvira!
      Penso que é difícil afastar a criançada da tecnologia, o ideal seria mesclar com essas atividades tradicionais. É bom para o raciocínio, a criatividade e o convívio. Um abraço!

      Excluir
  9. Ops... não sei se o meu comentário entrou.
    Retorno amanhã para conferir.

    Ótima noite e feliz semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vera, seu novo comentário entrou, respondo amanhã, ok? Abração!

      Excluir
  10. Bia, somos todos crianças (rss). cada um de nós, por certo, já se divertiu com muitos joguinhos. Meu pai nos ensinou "buraco" e era com ele que passávamos as tardes de domingo. Até hoje gosto. Já joguei detetive, mas havia cartas e ganhava quem descobria o assassino. Você deu dicas muito válidas e depois vou dar uma olhada nos endereços que deixou, por curiosidade. Atualmente, quando quero me distrair com jogos, escolho do tipo "mate três", na internet. Alguns são muito bons e ficam ainda mais interessantes quando as dificuldades vão aumentando. Nessa época de final de ano, não há tanto tempo disponível (kkk). Só para as crianças. E elas podem se divertir com tão pouco! Basta um estímulo maior. Grande beijo!

    ResponderExcluir
  11. Nossa, Bia, estava me esquecendo de falar sobre seus presentes. São surpresas que despertam sorrisos e nos fazem felizes. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Marilene!
      Eu gosto demais de jogar buraco, quer jogar uma partida comigo? :D Aliás, cartas também estavam em nosso repertório de jogos, "Buraco", "Burro em pé", "Burro sentado", "Tranca", "Truco" e até "Pocker"... Adoro! Pena que hoje em dia são poucas as pessoas que conhecem os jogos e gostam! Minha filha também jogava detetive com cartas. "Mate três"? Não conheço, vou pesquisar.... pela internet já joguei jogos de cartas, somente, e atualmente um app da Batalha Naval nos moldes antigos, tem até o fundo de papel quadriculado de caderno!
      Penso que além do estímulo, o envolvimento dos pais nos jogos é fundamental para fomentar o interesse das crianças. Cansei de jogar junto com minha filha e os amigos dela e faço isso até hoje, é uma diversão!
      Presente são uma delícia de receber, independente do valor, a lembrança é o que nos toca. Um abraço!

      Excluir
  12. Bia querida, que post legal!

    Fiquei horas clicando e lendo os links que você colocou. As brincadeiras me trouxeram recordações incríveis e um alerta: Ando brincando pouco, preciso cuidar urgentemente disso e suas dicas me ajudarão muito.

    Parabéns pelos presentes que recebeu dos amigos, sei bem qual é a sensação de receber um, você já me fez senti-la com aquele livro e o imenso carinho que me enviou.

    Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Van!
      Um grande erro do adulto achar que está velho demais para brincar... é a ausência da brincadeira que envelhece, por isso vemos tantos jovens rabugentos e alguns idosos radiantes. Não é uma questão de idade, mas de atitude.
      Fico feliz que seu post a tenha inspirado... também preciso brincar mais. Esses tempos a recomendação médica foi "Dê mais risada". Com as dificuldades do dia a dia vamos esquecendo que esse é o grande objetivo da vida.
      Fico muito feliz que o livro que lhe enviei tenha agradado, Escola de sabores é um dos meus títulos preferidos! Um abraço!

      Excluir
  13. Olá,Bia
    .... o final de ano está se aproximando e é justamente nesse período que menos descansamos, queremos aproveitar essa época para concedermos a nós a difícil tarefa de fazer tudo o que nem tentamos fazer durante o ano inteiro.Sim, o ideal é procurar dicas com esse objetivo de tornar as férias mais interessantes ou menos estressante.Não importa se ela for pequena e simplória ou grande,desde que sirva como "clean cerebral"...
    eu brincava muito de batalha naval e forca em plena sala de aula do cursinho.
    Quando a família toda morava em Sampa,jogávamos muito War e Banco Imobiliário.
    Hoje, no virtual, brinco "Criminal Case", deve ser algo parecido com o Detetive que tu mencionou.
    Sim, More love letters... escrever cartas de amor e deixar por aí! Eu enviei para as instituições.
    Manual do Mundo...irei ver!
    Agradeço pelo carinho da companhia em 2014, muito obrigado ,e meus desejos de Boas Festas e Feliz 2015 ,com saúde e realizações, para ti e familiares, té a volta,belos dias,beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Felis, como vai?
      Sabe, até que no viés contrário, esse ano nem estou correndo tanto atrás do que não foi feito. Não chego a dizer que termino o ano satisfeita, porém não há muito o que fazer, a não ser buscar manter o bom humor e a fé. Tenho tido algumas conversas de pé de ouvido com Deus... e Ele pelo jeito só tem escutado, kkkkk.
      O que se for já é um começo, kkkk.
      Sempre gostei desses jogos para serem jogados a qualquer hora, em qualquer lugar... houve um tempo que eu jogava Stop com minha filha e uma enteada que morou comigo, perdia feio, visto que elas traziam um repertório de respostas invejável da escola, kkkk.
      War, engraçado... meu irmão sempre jogou e era um dos que eu não gostava. Agora, mais madura e com o pensamento racional mais desenvolvido, acho sensacional! Exercício de estratégia! Banco imobiliário, #quemnunca.
      Uma amiga me indiciou também "Criminal Case"... quem sabe nas férias não me animo". Gosto muito de Scotland Yard, um jogo de tabuleiro bem avançado de dedução em resolução de casos, mas só dá para jogar com a cuca fresca, puxa bastante pelo raciocínio.
      Ah, que legal saber que participou do More love letters!!! Qualquer iniciativa nesse sentido é ultra válida!
      Obrigada por tudo, pela amizade, paciência em ler meus escritos e pela presença constante por aqui! Que Deus ilumine seu novo ano e traga o que for preciso para fazê-lo feliz!
      Abraços, inté!

      Excluir
  14. Gostei da ideia de escrever cartas de amor, acho que vou tentar qualquer hora viu! abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ives!
      Você escreve tão bem, tenho serteza que as cartas serão bem vindas por quem encontrá-las! Um abraço!

      Excluir
  15. Olá Bia,

    Vejo que meu comentário não entrou. Fico furiosa quando isso acontece com comentários mais longos e esqueço de me acautelar, copiando o comentário antes. Vou tentar reproduzir o que eu havia comentado.
    Comecei pelo final, dizendo de como é bom receber mimo dos amigos. Você merece, pois é muito atenciosa com todos. Cheguei a separar um livro aqui e colocar seu endereço dentro para remetê-lo para você, por ocasião da chegada do seu por aqui, contudo,fui deixando para um momento mais tranquilo e as coisas acabaram desandando por aqui com a internação súbita da minha mãe e os tristes acontecimentos posteriores. Hoje, especialmente, o livro está numa caixa, entre muitos outros, poios estou reformando o meu escritório aqui em casa (procurando mais conforto, claro). Oportunamente, o livro chegará por aí. Dos jogos que você mencionou não me lembro do 'Batalha Naval', mas brinquei com vários outros. Um dos que mais brinquei foi com o Banco Imobiliário. Eu tenho um jogo para sugerir para você, mas não creio que faça o seu perfil. Trata-se do 'Candy Crush Saga', que é altamente viciante. Foi esse joguinho que me ajudou a passar as horas de angústia nas salas de espera do CTI, quando minha mãe lá se encontrava.
    Férias para mim é sinônimo de praia. Quando não vou é como se não tivesse gozado férias. Passei rapidamente pelos sites indicados, mas voltarei com calma para ver melhor as suas dicas que, aliás, caem muito bem para períodos em que é possível ficar descompromissado com os deveres habituais. A história do garoto Toby Little é mesmo inspiradora. Parece-me que já vi algo a respeito na rede televisiva. Você se revela uma ótima exploradora de sites-rs.

    Beijão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vera! Também fico indiginada quando escrevo, escrevo e o comentário nada, kkkk. Mas não consigo usar a estrategia de salvar no bloco de notas para depois colar no campo "comentários".
      Como eu disse a Sissym esses dias, quando puder enviar o livro será bem vindo, não se preocupe com essa questão do tempo. Entendo como é difícil organizar o dia a dia com idas às filas do Correio, ainda mais depois do período conturbado que passou.
      Banco Imobiliário é unanimidade entre o povo, kkk!
      Candy crusch saga também já me foi indicado pela minha psicóloga e amiga há uns meses atrás, mas nunca tentei. Minha filha adora. Tenho alguma resistência em começar jogos virtuais desse estilo porque quando acabo gostando, é um sufoco, kkkk! Uma folguinha e já estou jogando... mas também sei me desvincilhar do vício num piscar de olhos, quando me determino.
      Eu AMO praia. Também passaria uns dias nela, se pudesse. Às vezes, no final de tarde, olho o céu e penso, "que vontade de dar uma voltinha na praia"... melhor ainda se for com alguém especial.
      "Exploradora de sites", quando dá, de fato gosto. É uma das coisas que me ajudam a distrair e acalmam meus pensamentos inquietantes. Abraços!

      Excluir
  16. Boas dicas Bia. Um beijo no seu coração.

    ResponderExcluir
  17. Oi Bia,

    Joguei muito esses joguinhos e adorava...

    Abçs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Vanessa! Eu gosto até hoje... durante o ano é complicado conciliar com os dias de serviço e responsabilidades, mas nas férias, sempre dou um jeito de jogar!Um abraço!

      Excluir
  18. Adorei todas as dicas, Bia. E, olha, esse jogo do detetive fez voltar minha infância. Como eu joguei isso com meus amigos. Era todo dia na escola, o tempo todo. Adorava. bjs e boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sérgio!
      Gosto tanto de Detetive que além dessa versão que citei, gosto muito de um filme antiquíssimo com mesmo nome (tenho o DVD), que deu origem à um jogo de tabuleiro também chamado Detetive - que também temos, kkkk. Um abraço!

      Excluir
  19. Era viciada em batalha naval rsrs, parabéns pelos mimos e amei as dicas vou conferir o da carta de amor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Patrícia, o legal é ver que há crianças na nova geração que também joga... acho importante o cultivo das brincadeiras simples, além das tecnológicas. Um abraço!

      Excluir
  20. Bom dia Bia, como tem passado?
    Sempre com ideias lindas para partilhar e excelentes dicas para férias e não só!
    Alguns desses jogos brinquei com minhas irmãs e filhos (mas me lembrou que posso por exemplo jogar a batalha naval com meu marido ao serão;))! Depois lhe digo!
    Nas minhas férias de praia gosto principalmente de palavras cruzadas e afins. Deste criança que tenho esse "vício"! Mesmo agora faço todas dos jornais que chegam aqui semanalmente da publicidade.
    Para descontrair gosto muito de passear pela natureza e à noite antes de adormecer ouço alguns sons de relaxamento!
    Muito obrigada pelas preciosas dicas e continuação de uma excelente semana.
    Beijinhos,
    Ailime
    (Continuo a ler o livro "O Mundo de Sofia;)). O quanto havia perdido...A memoria agora é outra, mas vou tentado entender tanto do que gostaria de ter aprendido há muitos anos. Nunca é tarde;))!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ailime!
      Estou indo, obrigada!
      Claro que pode jogar batalha naval com o marido!!! Tenho certeza que será bom quebrar um pouco o ritmo diário... depois me conta! :D
      Ah, eu gosto muito de palavras cruzadas! Alguns anos trabalhei muito numa loja que minha mãe tinha na rodoviária, trabalhava inclusive finais de semana, e as palavras cruzadas e afins eram meus grandes companheiros para passar as horas de pouco movimento! Fiquei craque, hahaha... também gosto de fazer quando vejo em jornais ou revistas.
      Passear pela natureza também gosto muito! Ainda pretendo fazê-lo com maior frequência.
      Puxa, que bonm estar gostando do Mundo de Sofia e de estar redescobrindo uma maneira de encaixar o novo pensamento às divagações da personagem. Siiim, nunca é tarde! Fico muito feliz quando algo que escrevo estimula alguém a redescobrir-se.
      Um abraço!

      Excluir
  21. Olá Bia,

    Conheço alguns desses jogos, porém nunca joguei. O único que lembro ter jogado foi o Banco Imobiliário e, depois de adulto. Mas joguei muita pedra n'água para ver elas pulando por cima, muita bolitas, joguei peteca, joguei muita trilha com milho e feijão, brinquei com bodoque, pega-pega, esconde-esconde...

    Minha dica para você nessas férias, é que fique de "bobeira", "de pernas pro ar" curtindo o seu ócio.
    Abração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Nestor!
      Mais um adepto do Banco imobiliário! :) Deve ter sido o jogo de tabuleiro da nossa geração...
      Nunca consegui jogar pedras sobre a água, mas sempre gostei de jogá-las e observar os círculos concêntricos que fazem na água. Gosto até hoje, acho relaxante. Trilha era outro dos meus jogos preferidos, era um dos poucos jogos que eu ganhava do meu irmão, kkkk.
      Peteca eu aprendi a jogar sozinha, só há pouco tempo descobri que se joga até em quadras!
      Bem lembrado sobre a semana de bobeira... necessário para recarregar as energias... mas certamente uma semana é o tempo-limite, kkkk, se bem me conheço, logo, logo devo arranjar coisitas para fazer!
      Um abraço!

      Excluir
  22. OI BIA!
    TEMOS JOGADO BATALHA NAVAL E DETETIVE COM MEU NETO, SÃO ÓTIMOS JOGOS.
    EU SEMPRE FUI DE ATIVIDADES AO AR LIVRE, GOSTAVA MESMO ERA DE JOGAR, VOLEI E ATÉ FUTEBOL. MAS, NAS FÉRIAS, O BOM MESMO É NÃO FAZER NADA, VIAJAR É UMA BOA.
    ABRÇS E UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA.

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Zilani!
      Eu sempre gostei de jogar vôlei, embora seja um fiasco, kkkk! Esses tempos joguei uma partida de futebol, sabe que até gostei? E acho que fui melhor que no vôlei...
      Um abraço!

      Excluir
  23. Os seguidores do Café entre amigos elegeram os melhores blogs de 2014, parabéns o seu está entre os vencedores. Convido com muito carinho para vi conferir o post e receber o selo especialmente criado para os eleitos.
    http://www.cafeentreamigos.com/2014/12/seguidores-do-cafe-entre-amigos-elegem.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrícia! Agradeço muito o aviso, é sempre bom saber que há pessoas que gostam de estar por aqui. Dei uma olhada por lá, muitos blogs conhecidos e indicações merecidas! Um abraço, obrigada!

      Excluir
  24. Blog legal o seu.
    Parabéns pelo Troféu Xícara de Ouro!
    joturquezzamundial
    Beijos.

    ResponderExcluir
  25. Bia, já joguei quando tinha uns seis anos 0 Monopoly, vulgo Banco Imobiliário que meu pai me deu e meio que me obrigou a jogar, rs. Mas prefiro mil vezes jogos online pela interação mais rápida ou então, jogar sem interagir mesmo, como jogar Diablo offline. Só eu matando sozinha os demônios.
    Meu pai é fascinado por jogos de tabuleiro. Eu não.
    Conheci gente que curte jogar baralho. Eu não.
    Sei lá, sou meio chata e não tenho paciência com jogos que não sejam virtuais. rs
    Essa parada de cartas de amor eu vi um filme sobre isso, que um velhinho escreve essas cartas, uma garota o conhece, mas não sei o fim porque achei o filme meloso e chato. Também não sou adepta aos manuscritos, até mesmo porque minha coordenação motora é péssima e sai uns garranchos indecifráveis.
    Programas offline além dos passeios reais (aí eu não opto pelos virtuais, rs) ler ainda continua sendo legal, mesmo que haja muito mais opções e acima de tudo, gratuitas, que são os ebooks. ;)
    Beijos.

    ResponderExcluir
  26. Boa tarde Bia,
    Cá estou pela primeira vez, e vim justamente para te parabenizar pelo merecido Premio Xícara de Ouro dado aos melhores blogs de 2014 no Café entre Amigos...
    Estou fazendo visitas rapidinhas aos blogs ganhadores, isso já era pra ter sido feito, mas a falta de tempo nos últimos dias tem me consumido...Volto com mais tempo para passear por aqui...
    Deixo beijos com carinho
    Marilene

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.