sexta-feira, 15 de julho de 2016

Remando

imagem daqui



"Por isso eu lhe digo: nunca pare de remar. Isso é saber olhar para si mesmo e se cuidar.
Não deixe seu barco ir para onde a água quiser levá-lo. tome você os remos e dê a melhor direção que puder dar. Cuide de seu interior e exterior. Seja vaidoso na medida e aprenda a se agradar. Faça terapia se puder, ore, medite, pratique algum esporte. Corte o cabelo e escove bem os dentes. De vez em quando escolha um perfume novo e varie o aroma do sabonete. Escute música, assista a bons filmes, viaje... Use protetor solar e carregue sempre um livro na mala de mão. Beba com moderação e faça um brinde à vida quantas vezes puder. Escolha bem ao que vai assistir na tevê e não se desequilibre por pouca coisa. Tome uma xícara de café pela manhã e entregue seu dia a Deus antes de sair de casa. Reme, reme, reme..."

Fabíola Simões


Essa semana lendo esse pequeno texto no Instagram pensei, "por ora é um bom plano a seguir: remar, remar, remar..."

Quando estava voltando à pouco a pé voltando de comprar ração e petiscos para meu cachorro, apesar de não ter o costume de ouvi-lo, lembrei de uma música fantástica de Raul Seixas, de 1975:

"Veja
Não diga que a canção está perdida
Tenha fé em Deus, tenha fé na vida
Tente outra vez

Beba
Pois a água viva ainda está na fonte
Você tem dois pés para cruzar a ponte
Nada acabou, não não não não

Tente
Levante sua mão sedenta e recomece a andar
Não pense que a cabeça aguenta se você parar,
não não não não
Há uma voz que canta,
uma voz que dança,
uma voz que gira
Bailando no ar

Queira
Basta ser sincero e desejar profundo
Você será capaz de sacudir o mundo, vai
Tente outra vez

Tente
E não diga que a vitória está perdida
Se é de batalhas que se vive a vida
Tente outra vez"                                

Estamos começando o segundo semestre do ano. Me conta, qual é o seu plano?





Quando precisar, pegue seu cupom aqui e sinta-se melhor: :)

imagem daqui


Ou crie os seus:


Os meus: 

- Veja vídeos e programas de humor
- Pare por alguns minutos e faça carinho num bichinho de estimação
- Esteja com alguém que o faça perder a noção do passar do tempo

23 comentários:

  1. Isso mesmo querida Bia vamos remar remar
    sempre concordo com o texto, convido para
    participar do sorteio do meu Blog, espero vc
    Abraços de bom final de semana
    Bjusss
    Rita ...🍀

    ResponderExcluir
  2. Passando para fazer uma visita
    deixar meu abraço e convidar para
    participar do meu sorteio, espero por
    vc sua visita será bem vinda bjuss de bom
    final d semana
    Rita..🍀

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rita, obrigada pelo convite, já passei por lá e estou participando! O aniversário do meu blog também será em agosto, aliás de vários blogs conhecidos, será uma festa só! Abraços!

      Excluir
  3. Adorei os cupons, Bia. Que boa sacada! E não podemos parar de remar mesmo... Falar dos planos é difícil pq nunca conseguimos fazer nada do que elaboramos, então... E adorei as mensagens dos seus cupons. Bjs e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sérgio! Vi esses cupons no Pinterest e achei uma forma doce de pensar em coisas boas, rrsrsrs. De fato, nem sempre os planos saem como imaginamos, mas penso ser importante manter o foco em alguns, caso contrário corremos o risco de passar a vida navegando à vida, à mercê, sem chegar em terra firme, rsrsrs.
      Abraços!

      Excluir
  4. Olá, Bia.

    Remar sempre em frente, contra a corrente das negatividades, em favor do bom, do belo e cada vez melhor. Cada dia é uma nova oportunidade, quem quer e sabe, faz acontecer, descobre a grandiosidade das pequeninas coisas e instantes.

    Um abração e um bom fim de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Apon!
      Belos pontos de vista... mesmo que façamos o simples, a cada dia, se o fazemos com positividade e consciência de que temos os remos da vida nas mãos, as coisas acontecem e tem outro sabor, mesmo que o plano do momento seja apenas navegar.
      Abraços!

      Excluir
  5. Bons conselhos, Bia!
    Por cá, agora que o tempo é de calor e férias ( dos outros, que as minhas ainda demoram um mês a chegar)não consigo fazer muitos planos para além de pensar nelas. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Luisa!
      Seguir o simples, quando não se está em posição de decisão ou ação, é sempre um bom conselho!
      Férias? As minhas acabam hoje! Snif! Espero que aproveite muito bem as suas! Aqui está um friozinho bem gostoso! Abraços!

      Excluir
  6. Olá, Bia...sim, tudo "in-riba"...bacana a ideia dos cupons, belo e reflexivo texto da Fabíola Simões, com destaque p/ "Isso é saber olhar para si mesmo e se cuidar.Não deixe seu barco ir para onde a água quiser levá-lo. tome você os remos e dê a melhor direção que puder dar. " e "Tente Outra Vez "do grande Raul Seixas é um verdadeiro hino a perseverança e resistência.
    Por vezes, temos que encarar uma realidade muito diferente daquela que sonhamos. Desistir não é o melhor remédio, nada está perdido, uma pessoa que sempre tenta outra vez terá maior capacidade de atingir os seus objetivos. E nosso desejo tem um poder profundo. Entretanto, tantos planos, desejos, sonhos e objetivos de vida, se não forem bem compreendidos e trabalhados, faz com que nos percamos num emaranhado, que nos deixará ansiosos, confusos e até deprimidos. O erro está no modo de pensar e na falta de foco e objetivo e , novamente, na dependência de variáveis externas e alheias.Sendo assim, podemos concluir que não importa muito para que lado estamos remando , desde que a escolha seja própria, consciente e cheia de convicção de que foi a melhor direção que pudemos ter/fazer e, enfim, não desistir diante das dificuldades, que logo teremos a merecida recompensa: uma xícara de café com leite, vídeos /filmes com Jenn Lawrence ou Robert De Niro e que a minha inspiração para escrever , no blog, volte "supimpa"( meus cupons);
    Feliz semana, Belos dias,abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Felis!
      Gosto do texto da Fabíola por mostrar que, mesmo quando precisamos seguir remando sem grandes feitos para o momento, isso não significa abandonar-se à própria sorte ou desistir, mas permanecer vivendo da melhor forma que for possível. Talvez por isso me veio a música de Raul à cabeça - simplesmente remar dá a ideia de desistir, mas não... vamos tentar outra vez. "Tenha fé em Deus, tenha fé na vida..."
      "Uma pessoa que sempre tenta outra vez terá maior capacidade de atingir os seus objetivos. E nosso desejo tem um poder profundo" - que lindo, e verdadeiro. Mas é preciso uma entrega nisso de alma, inteligência e coração, e acho que você colocou tão bem isso nas palavras subsequentes. Falo muito em foco, tantas pessoas se queixam que seus planos não dão certo, julgam parecer tão fácil quando as coisas dão certo para o outro, e não compreendem que muitas vezes falta o foco, a resistência, a determinação, e por conta de sentimentos negativos que citou como ansiedade, confusão, depressão, podem remar em círculos, o que abate qualquer um.
      Variáveis externas e alheias, como citou, sempre existirão, mas o remo é nosso, a vida é nossa, cabe a nós aprender a manejá-los. #gloriaaDeus rsrsrs
      Gostei muito dos seus cupons, concordo com todas as ideias! O Robert de Niro é um barato! Há épocas em que nossa inspiração para o blog parece ter ido embora (vai ver que é o mês de julho, tem vários blogueiros de férias, rsrsrs), de qualquer forma tem sido muito agradável ler seus textos, sejam eles novos ou reeditados.
      Abraços!

      Excluir
  7. Bia,
    Gosto sempre de a ler, pois parece-me (tenho a certeza) que tem uma relação autêntica com a vida, procurando sempre melhorar, saber mais...
    O que é, afinal, a vida? Não há receitas, como muito bem sabe, o que conta é o caminho percorrido, sempre recheado de interrogações.

    Um beijinho :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ac, tem razão - sobre mim e sobre a vida, rsrsrs.
      Venho nessa busca constante por crescimento desde muito jovem, nos últimos anos especialmente tenho buscado ser uma pessoa melhor, embora sempre me pergunte sobre o sentido do crescimento, visto que muitas vezes vemos o pouco valor que isso parece ter. Acabo concluindo que o importante é me sentir bem como ser humano e tentar ser o melhor ser humano para as pessoas que amo (será que notam? rsrsrs).
      Receita não há mesmo, até porque cada um tem seu universo particular. Acho que o texto da Fabíola trata do simples que sempre funciona bem no dia a dia, mesmo quando as coisas parecem difíceis ou sem solução.
      Abraços!

      Excluir
  8. Muito lindinho o texto da Fabíola! Remar! e não perder o prumo!
    E tentar outra vez. A música do Raul fez-me lembrar de épocas difíceis. quando ouvia a música, ela me animava. E fui tentando! E fui vencendo! E fui mudando! assim como mudamos o aroma dos sabonetes! Tem coisa melhor a cada sabonete um abraço corporal diferente? Dá animo!
    Sobre os cupons, eu escolho o Elogie-se! Que é pra minha peteca não cair. que é pra eu ficar atenta e de bem com a vida!
    Eu criaria um outro: escreva o que te faz bem! Gosto de escrever. Quando é bom, eu guardo. Quando é triste, tem um destino certo. Coloco fora.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Zizi!
      "E não perder o prumo"... pois é... esse é o desafio, muitas vezes remamos em círculo sem nem sentir! É preciso atenção no remar!
      Que bacana ter partilhado o quanto essa música a ajudou! Eu não posso usar/sentir perfumes fortes, mas costumo usar os sabonetes Jhonsons adulto, que tem vários aromas diferentes, suaves e de bom gosto! Também gosto de cheirinho de creme corporal, rsrsrs.
      Eu também aprendi a me elogiar... penso que é uma consequência natural, quando você passa a se sentir amada, querida... quando nos sentimos incapazes, diminuídos ou rejeitados, temos a tendência a nos criticar, o que só piora a situação.
      Concordo plenamente como item da escrita, e com o que se faz com ela! :) Escrever é uma excelente forma de catarse, mas partilhar o que é ruim não leva a lugar algum.
      Abraços!

      Excluir
  9. Oi Bia,
    Remar e remar,seguir em frente.Esses dias ouvi que temos que aprender que cada dia é um novo dia,que se as coisas foram ruins em um dia no outro já é outra coisa.
    Confesso que às vezes esqueço disso,mas tento sempre dizer pra mim:um dia de cada vez.
    Adorei a música,é uma das preferidas do meu pai.
    E essas plaquinhas,que amor!
    Abraço =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Su!
      Aprendi o valor de tomar um bom banho quente e dormir quando o dia está ruim, em geral no dia seguinte a sensação está aliviada. Isso não quer dizer que esse deve ser um meio de fugir da resolução de problemas, somente de reencontrar o equilíbrio para resolvê-los. Ou se não for o caso de resolução, simplesmente para esperar uma nova oportunidade de recomeçar com o amanhecer! :)
      Um dia de cada vez é uma boa filosofia de vida, especialmente em dias difíceis. Nos mantém centrados no hoje, transmite paciência e alivia a opressão do tempo.
      Abraços!

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Boa Tarde, querida Bia!
    Logo no início do segundo semestre, farei, se Deus quiser, uma viagem dos meus sonhos... um grande brinde à vida e por ter ultrapassado já em dois pontos a década de 60... viva! rs...
    Estou mais exigente onde ir, com quem estar e outros casos do cotidiano...
    Não me sinto voluntariosa mas escolho bem onde e com quem estar... preciso pensar em mim, afinal!
    Gostei muito do seu post... bem dentro do que estou vivendo!
    Estou em ritmo um tanto frenético com muitas ocupações que gosto e cuidando de um filho mas percebi a tempo e parei com algumas coisas que podem esperar... tudo com muita calma!
    Bjm muito fraterno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Rosélia!
      Que ótima forma de comemoração, fazer a viagem dos sonhos, você merece! Quero ver as fotos depois no seu blog de viagem! :)
      Acredito que escolher onde e com quem estar não é uma questão de ser voluntariosa, mas aprender a estar mais próxima do que nos faz bem. Isso é saudável e nos torna uma pessoa melhor para o outro também.
      É impressionante como com o passar dos dias vamos acumulando atribuições (nem sempre nossas) e precisamos de fato dar essa paradinha de vez em quando para reorganizar prioridades, faz bem!
      Abraços!

      Excluir
  12. Bia,

    Hoje em dia precisamos saber remar, aceitar as provações, furar as ondas, ter força contra a correnteza, e seguir. Trabalho, sonhos, amores, familia. Tudo requer um pouco de braço forte para manter o ritmo.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sissym, tão forte e positivo seu comentário, que legal... me despertou o sentimento de não desistir nem sucumbir à qualquer tristeza ou contratempo.
      Braço forte! É disso que precisamos! E de um (A)braço forte de vez em quando também, rsrsrs!
      Abraços!

      Excluir
  13. Olá, Bia.
    Linda ideia, a dos cupões. Parece coisa pequena, mas o certo é que a técnica de termos, ao nível do olhar, uma frase inspiradora, pode ser motivador. Volta e meia ponho em prática ;)
    E sim: remar sempre, ainda que o cansaço impere.

    bj amg

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.