sábado, 9 de setembro de 2017

#9ComeçacomB - sobre Bonsais e afins



Eu já havia mostrado meus bonsais nesse post ---> aqui. Infelizmente no início desse ano a uruca por aqui estava tão grande que dos cinco que eu tinha, quatro morreram, do nada. Pois é... e olha que não faltaram cuidado e carinho. Foi um dos indícios que me fez perceber a urgência em mudar o rumo dos sentimentos. 


Ficou a figueira, o primeiro exemplar, que sobrevive até hoje, é essa do meio. Acabei comprando duas mudas no Condor do centro kkkkkk, uma de pimenteira (não por acaso, rsrsrs) e outra de uma trepadeira "unha de gato", para não ver os vasinhos vazios. Para minha alegria ambas vingaram e estão muito bonitas. Vi em algumas reportagens que é possível transformar essas duas espécies em bonsais, com podas e amarrações, mas esperarei um pouco até que estejam bem fortinhas. Por ora resolvi dar um tempo na compra de bonsais, mas não desisti dessa arte tão edificante e prazerosa com significado profundo. Talvez mais para frente...


Para quem tiver interesse em adquirir um bonsai, tem muitas dicas no post que citei, e afirmo que essa é a hora, pois na passagem do inverno para a primavera é a melhor época para o transplante, elas "pegam" bem e ficam super viçosas. Outra dica boa é pesquisar antes qual a espécie mais adequada para o clima de sua região para que elas não sofram com o transplante. 


Lindo domingo!!!!



12 comentários:

  1. Quando a uruca bate, pega até nas plantinhas! Que bom que agora as novas estão indo bem ao lado da figueira! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Chica, é verdade, recentemente descobri que pega sim em plantas, animais e aparelhos eletrônicos, não por acaso na mesma época os bonsais morreram, o cachorro adoeceu e computador pifou, kkkkk!
      Por outro lado hoje entendo que isso só aconteceu porque minha energia estava negativa a ponto de ficar suscetível a isso. Quando estamos fortalecidos positivamente criamos uma espécie de imunidade a urucas, rsrsrs. Pelo mesmo motivo hoje as plantinhas, o cachorro e o note estão funcionando perfeitamente! :)
      abraços!

      Excluir
  2. Também já tive bonsais. Requerem muitos cuidados mas são tão bonitos!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São mesmo, Elisabete, dá vontade de ter todos! Embora sejam bem sensíveis, ainda tereis alguns de novo. Abraços!

      Excluir
  3. Adoro bonsais, mas infelizmente nunca tive nenhum.
    Vou ler o post. Pode ser que aprenda algo.
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elvira, espero que o post ajude, está tudo bem explicadinho, e é muito prazeroso quando os vemos crescerem com sua delicadeza peculiar. Abraços!

      Excluir
  4. Essa menina não para... Botânica também? Legal!

    Um abraço e uma boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Apon, ainda não botânica, kkkkk, mas estudar sobre isso está na minha lista de intenções e também preciso de campo para aplicar o estudo. Estou engatinhando, rsrsrsr.... Abraços!

      Excluir
  5. Olá Vane!
    Lindas suas plantas "afins"!
    Tenha uma boa tarde de domingo.

    BJK
    JAN

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jan, obrigada, eu adoro observá-las assim, pegando sol na janela! abraços!

      Excluir
  6. Engraçado, eu não tenho sorte com bonsai. Todos os meus morrem e tambem não falta carinho. Pelo menos com o resto das plantas me dou bem. Tenho vááááárias... Bjssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Sérgio, bonsais são melindrosos mesmo... mas eu estudei cada um, tomava cuidados individuais, os exemplares estavam bonitos e viçosos... sei lá! Ainda bem que suas outras plantas vão bem! :) Abraços!

      Excluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.