domingo, 19 de novembro de 2017

Uma questão de perspectiva II

Ha um ano atrás escrevi um dos meus posts mais queridos, com o nome "Os sonhos mudam". Hoje constato que apesar de ter mudado bastante, os sonhos não mudaram e principalmente e muito além do sonho material, o "escolhido" não mudou, isso depois de ter estudado tanto sobre as leis da vida e ter mudado tantas perspectivas - então realmente significa muito amor, rsrsrs.


gesto típico de blake para que os participantes do the voice o escolham -imagem giphy

Há uns meses eu disse a ele por mensagem que quero ser em sua vida um ponto de paz, de tranquilidade, capaz de conversar sim sobre o cotidiano mas também, sobre interesses criativos e que o desliguem da rotina, o que creio corresponder ao que sou hoje, e estou feliz por isso. Em relação aos sonhos, hoje sei que não seria correto sob a perspectiva quântica sentir meus sonhos se estes estiverem distorcendo sua subjetividade - ou o amor, tão grande, perderia o sentido. O ponto em aberto é, estão meus sonhos em consonância com o livre-arbítrio dele, ou seja, do que ele espera e almeja para sua vida?


minha perspectiva: \o/


Blake Shelton, cantor country americano, escolheu viver seu dom e sonho. Em um dos programas The Voice, no qual é apresentador e treinador, contou uma experiência curiosa, enquanto comentavam sobre o mau hábito de algumas pessoas de jogarem "coisas" nos cantores, especialmente iniciantes.

Em uma apresentação de início de carreira, enquanto cantava, um dos integrantes da plateia lhe jogou m****. Ao constatar, Shelton disse que pensou assim: "Bom, se ele está jogando em mim uma parte que saiu dele, então é porque devo ser muito bom mesmo".

O mais legal é que Shelton não contou o fato com raiva nem ressentimento, bradando a indignação na mídia, se entregando à vitimização ou vingança, e sim com o tom de quem agiu com a melhor perspectiva que encontrou para si, permanecendo motivado a continuar fazendo seu melhor. Grande!!!

Sua resposta? De 2010 até agora Blake já ganhou mais de vinte prêmios musicais inclusive dos mais importantes como o Billboard - veja todos aqui, venceu três edições do The Voice e há alguns dias ganhou o prêmio de homem mais sexy do mundo pela Revista People. Tudo bem que nesse ponto eu discordo porque para mim o homem mais sexy do mundo é o moreno que eu amo tanto, mas fica a lição: que tal aprendermos a usar o poder da perspectiva a nosso favor e mostrar ao mundo nosso brilho independente das circunstâncias???



obs: como nessa época a blogosfera dá uma acalmada, farei somente mais umas duas postagens até o final do ano, a próxima em dezembro. No tempo livre visitarei os blogs ativos e estarei postando no Desperta, quem quiser conhecer esse blog clica abaixo. Outro ponto, quem quiser receber envio de Reiki (luz) ou conhece alguém que esteja precisando e queira, pode preencher o formulário gratuitamente clicando na imagem do lado direito da tela, pois estou colocando no meu caderno de orações diárias por 30 dias. Agradeço quem enviou, já estão em minhas intenções. :)



clique aqui




19 comentários:

  1. Olá, querida amiga Vane!
    Depois do seu post lido, me veio imediatamente à mente uma frase: cada um só dá o que tem!
    Seja muito feliz e abençoada!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  2. http://espiritual-marazul.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rosélia!
      É verdade! E cada um, na história, mostrou o que havia em seu interior, naquele momento. Na verdade é assim com todos, o tempo todo, daí a importância da compreensão sempre, bem como cada um tira suas lições a partir do que pode ou não dar.
      Gostei muito do seu post e sempre é agradável inspirar! Abraços!

      Excluir
  3. Sonhos quando são realmente sonho não são mudados com pouco tempo... Continuam ...E isso é bom! Torço pra que teus sonhos se realizem sempre! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Chica, sempre com a visão bela e sábia da vida... sim, os sonhos não são "fogo de palha", rsrsrs algo que o tempo já deixou bem claro.
      Obrigada pelo carinho de sempre, tão especial. Abraços!

      Excluir
  4. Olá, Vane.

    Isso se chama: Inteligência emocional, maturidade do ser.

    Um abraço e uma iluminativa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Apon, tem razão, é preciso muita inteligência, autoestima e firmeza de propósito para agir (e não, reagir) assim. Nada fácil, e por esse motivo, admirável. Abraços!

      Excluir
  5. Olá, Vane, essa é uma aprendizagem a tentar, um processo contínuo.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Nina, tem razão.Sempre que alcançamos um aprendizado, outro se mostra, e assim seguimos. O importante é não perder o ânimo! Abraços!

      Excluir
  6. Olá Bia (ah, meu Deus, VANE! kk), boa tarde!
    Eu ainda não cheguei nesse estágio maravilhoso, ainda me encontro naquele onde "toda ação gera uma reação", mas confesso que gostaria de ser bem mais ZEM e tenho "quase" que certeza que ainda nessa vida chego lá!
    Bjsssss amiga

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Dinha!
      "Toda ação gera uma reação", kkkkkk... eu era muito assim na adolescência, mas acabava me sentindo muito mal, então amaciei... mas acabei indo para a outra ponta, a de não reagir nunca até acabar depressiva, sem vida.
      Equilíbrio, sempre o tão almejado... difícil mesmo, mas hoje vejo como é possível mantendo foco, autodomínio e disciplina.
      Você parece determinada a chegar lá, eis o primeiro passo!
      Abraços!

      Excluir
  7. Gostei de ler. Gostei de saber que continua com os seus sonhos e o seu amor.
    E continuo baralhada, porque me parece que usava outro nome, não é verdade?
    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Elvira, é verdade, eu sou a Bia, rsrsr, desculpe a confusão! Mudei no aniversário do blog, em agosto, creio que estava longe da blogosfera quando expliquei. Abraços!

      Excluir
  8. Que mensagem maravilhosa, Vane!Agora jogar m em cima deve ser pesado, hein... A reação dele, digamos, foi meio utópica... rs Mas muitas vezes o destino responde. bjssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,Sérgio! Concordo contigo, a atitude foi muito desrespeitosa, ele der ter ficado chateado, claro... e concordo também que a reação foi utópica, o que me levou a pensar que são essas as reações mais belas e marcantes, principalmente quando provocam um resultado positivo.
      Abraços!

      Excluir
  9. Obrigada. Realmente estava no Algarve, não tenho computador lá e não sabia.
    Obrigada por me ter explicado.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Votos de umas festas felizes e de um 2018 cheio de saúde e alegria.
    Bjs

    ResponderExcluir

Gosto de conhecer pontos de vista. Não deixe de expressar o seu! Farei o possível para responder.
Obs: a moderação está ativada.